s
Para as lideranças preocupadas em rever seu papel no novo mundo do trabalho, os funcionários descrevem um líder empático como alguém transparente, justo e que cumpre o combinado em suas ações Crédito: Pixabay
CARREIRA

Empatia é o skill mais importante para um líder

Os funcionários descrevem um líder empático como alguém transparente, justo e que cumpre o combinado em suas ações

Por Soraia Yoshida 18/10/2021

O fato de que tantos profissionais estão dispostos a deixar seus empregos se tiverem que voltar a trabalhar todos os dias no escritório (até 95% pensam em trocar de emprego, segundo a Monster) tem suas raízes no que “já deu” no modelo tradicional de trabalho. Um estudo recém-publicado da Ernst & Young (EY) revela que 54% dos profissionais deixaram um emprego anterior por falta de empatia do chefe e 49% disseram que seus empregadores não tinham qualquer preocupação com suas vidas pessoais. Não se sentir respeitado e ter que cumprir expectativas pouco realistas também não ajuda.

Na pesquisa "2021 EY Empathy in Business Survey", realizada com 1.000 funcionários de empresas nos EUA, algumas constatações:

  • 58% deixaram um emprego anterior porque não se sentiam valorizados por seu chefe
  • 48% deixaram um emprego por não sentir que faziam parte daquela companhia
  • 46% acham que os esforços de sua empresa para mostrar empatia com os funcionários não são sinceros
  • 42% dizem que sua empresa não cumpre as promessas feitas
  • 37% deixaram um emprego porque tinham dificuldade em se conectar com os colegas

Diante de um líder empático, as reações são absolutamente diferentes:

  • 88% acham que a liderança empática cria lealdade entre os funcionários para com seus líderes
  • 90% dizem que a liderança empática leva a uma maior satisfação no trabalho
  • 79% concordam que diminui a rotatividade de funcionários

Este é um conteúdo exclusivo para assinantes.

Cadastre-se grátis para ler agora
e acesse 5 conteúdos por mês.

É assinante ou já tem senha? Faça login. Já recebe a newsletter? Ative seu acesso.

Quer inovar? Busque alavancar o intraempreendedorismo

Inovação

Quer inovar? Busque alavancar o intraempreendedorismo

Ao apostar no empreendedorismo interno, as empresas aproveitam o talento dos colaboradores e aumentam as chances de inovar de forma acelerada.

Um planeta sob nova direção

Tendências

Um planeta sob nova direção

Homem e natureza são parte do mesmo sistema interconectado. Se um destrói o outro, sucumbirá em seguida. Com esta certeza, universidades, ONGs e empresas privadas estão se unindo para criar centros de conhecimento de Desenvolvimento Reg...

A erupção dos

Tendências

A erupção dos "colarinhos verdes"

As empresas que, no ano passado, sofreram uma fuga de talentos poderão ter dificuldades se quiserem contratar uma nova leva de profissionais. É que os green jobs estão absorvendo esta mão-de-obra, ao mesmo tempo em que a qualifica.

2023: um ano de ventos e trovoadas

Tendências

2023: um ano de ventos e trovoadas

Lá fora recessão. No Brasil, transformação. O ano de 2023 promete mares bravios para os CEOS - capitães fortalecidos pela tempestade-pandemia e seus rescaldos no ambiente corporativo. A THE SHIFT mapeou as tendências que podem afetar...

As lideranças estão precisando de terapia

Liderança

As lideranças estão precisando de terapia

Depois das contínuas avalanches pandêmicas e corporativas, os líderes estão inseguros e não estão mais sabendo como inspirar e reforçar suas equipes. Trata-se de um movimento natural e que tem remédio no curto prazo. Aliás, acredit...

Por Cristina De Luca
Trabalho híbrido: estamos

Tendências

Trabalho híbrido: estamos "fervendo o sapo"?

A nova versão do estudo da Microsoft, Work Trend index Special Report, mostra que empresas e gestores não estão sabendo como lidar com as mudanças ocorridas no ambiente de trabalho ou estão "cozinhando o sapo" do trabalho híbrido para...