s
Crédito: Jonathan Velasquez (Unsplash)
TENDÊNCIAS

Quase 900 mil podcasts foram lançados no mundo em 2020. Três vezes mais que em 2019

Média de quase 2 podcasts iniciados a cada minuto, afirmam dados divulgados pelo Chartable. A maioria deles em hindi, chinês e português. Confira detalhes dessas e outras tendências em 5 gráficos

Os lançamentos de podcast dispararam no mundo no ano passado. Praticamente três vezes mais que no ano anterior. Foram 318.517 novas ofertas em 2019 contra 885.262 em 2020, segundo dados divulgados esta semana pela plataforma de monitoramento Chartable.

A audiência, que teve uma pequena queda entre os meses de março, abril e maio, se recuperou rapidamente à medida que as pessoas desenvolveram novas rotinas em tempos pandêmicos, atingindo a média de 1,2 bilhão de downloads por mês. Um aumento de 180% em relação a 2019.

O tráfego nos Estados Unidos cresceu 190% em 2020, mas outros países viram aumentos maiores, percentualmente, incluindo Turquia, Itália e Peru.

Receba grátis nossa newsletter

A receita de publicidade também cresceu: 15% em relação a 2019, com 160 novos anunciantes investindo em podcasts a cada semana.

Cerca de 30% dos novos podcasts têm apenas um ou dois episódios, com os criadores de conteúdo experimentando a mídia. Mas quase um quarto dos podcasts iniciados em 2021 já publicou mais de 10 episódios.

Embora o inglês ainda mantenha a supremacia, houve crescimento expressivo de podcasts em outros idiomas, respondendo por pouco menos da metade dos lançamentos. Entre os idiomas de maior lançamento estão hindi, chinês, português, indonésio e espanhol, respectivamente.

Já as principais categorias entre os novos podcasts criados no ano passado foram Educação (133.107), seguida de Cultura e Sociedade (121.556), Artes (94.360) e Negócios (85.155).

Entre os agregadores, a Apple perdeu terreno em termos de uso, caindo de quase 42,7% de participação de mercado para 37,8%, à medida que os ouvintes aumentavam em mercados fora dos Estados Unidos, onde os telefones Android geralmente dominam. Mas ainda lidera, seguida pelo Spotify, que após começar a investir pesadamente no segmento vem vendo a sua participação aumentar de forma constante.

Ambas deverão resistir à investida da Amazon, que entrou notavelmente no mercado de podcast em 2020 com a Amazon Music e a Audible, além de ter adquirido a Wondery, maior rede independente de podcast, em um negócio fechado no final de dezembro.

À medida que empresas como Amazon, Spotify, SiriusXM, iHeartMedia e outras continuarem seus investimentos e aquisições em podcasting, o ecossistema certamente mudará. Teremos um ecossistema mais parecido com a TV sob demanda, onde cada empresa de mídia tem seu próprio aplicativo e ouvintes (e anunciantes!)

Como os produtores e redes independentes irão prosperar nesta era de consolidação corporativa? Teremos que esperar para ver.

O que sabemos, com certeza, é que em todo o mundo cada vez mais ouvintes estão sintonizados em podcasts. Mais e mais criadores estão começando podcasts pela primeira vez. E cada vez mais anunciantes estão explorando o meio e aumentando seus gastos, o que significa que haverá mais dinheiro fluindo para os criadores de conteúdo para financiar programas ainda melhores.

Quer iniciar um podcast? Esse tutorial tem quase tudo o que é preciso saber.

Áudio e voz estão entre as maiores tendências para as redes sociais

Tendências

Áudio e voz estão entre as maiores tendências para as redes sociais

Enquanto plataformas de vídeos ainda lideram o mercado, o ecossistema de inovação aposta em ferramentas de áudio e conversa por voz como alternativa de conteúdo

Por João Ortega
Vai ter bolo, Alexa?

Inteligência Artificial

Vai ter bolo, Alexa?

Os chamados smart speakers devem atingir uma base instalada de 640 milhões até 2024

Por Redação The Shift
Tendências para Voice AI em 2021, na visão da indústria

Inteligência Artificial

Tendências para Voice AI em 2021, na visão da indústria

Nos próximos meses veremos a expansão do uso inteligente da voz para quase todas as áreas de negócios e da vida, oferecendo conforto e segurança para a realização de tarefas complexas

Por Cristina De Luca