s
Crédito: Dreamstime

INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

A capacidade de um programa de criar artigos impressiona cientistas

A escrita do GPT-3 parece ter sido criada por um humano. Esse programa de geração de linguagem também é capaz de escrever códigos limpos e suas habilidades poderiam ser usadas em várias áreas

Por Prasenjit Mitra, The Conversation 02/10/2020

Sete anos atrás, eu e um aluno meu na Penn State construímos um bot para escrever um artigo da Wikipedia sobre a peça "Chitra", do ganhador do Nobel, o bengalês Rabindranath Tagore. Primeiro, o bot coletou informações sobre “Chitra” da internet. Em seguida, examinou os verbetes existentes da Wikipedia para aprender a estrutura de um artigo padrão da Wikipedia. Por fim, resumiu as informações que recuperou da Internet para escrever e publicar a primeira versão do verbete.

No entanto, nosso bot não "sabia" nada sobre "Chitra" ou Tagore. Não gerou ideias ou frases fundamentalmente novas. Ele simplesmente juntou partes de frases existentes de artigos para fazer novas.

Avance para 2020. OpenAI, uma empresa com fins lucrativos sob uma empresa controladora sem fins lucrativos, construiu um programa de geração de linguagem denominado GPT-3, um acrônimo para "Generative Pre-Training Transformer 3" (em tradução livre para o português, Transformador Generativo Pré-Treinamento 3). Sua capacidade de aprender, resumir e compor texto surpreendeu cientistas da computação como eu.

Conteúdo exclusivo para membros da The Shift

Experimente grátis por 30 dias

A IA que transforma a educação

Entrevista

A IA que transforma a educação

Adriano Mussa, diretor de IA da Saint Paul Escola de Negócios, é apaixonado por Inteligência Artificial, especialmente quando ajuda a transformar a vida das pessoas pela educação

Por Silvia Bassi
AutoML muda o jogo da Ciência de Dados

Inteligência Artificial

AutoML muda o jogo da Ciência de Dados

Sem a Ciência de Dados, as empresas não conseguem obter valor dos dados de que dispõem. Mas não há cientistas de dados suficientes para todos. O que fazer? Automatizar

Por Cristina De Luca
A Internet dos Corpos já está entre nós

Inteligência Artificial

A Internet dos Corpos já está entre nós

Usar o corpo humano como uma plataforma de dados oferece enormes possibilidades, mas também novos riscos

Por Cristina De Luca