s
Crédito: Ivan Samkov

TENDÊNCIAS

Trabalho em casa: os escritórios vão morrer?

A possibilidade de que o trabalho remoto se torne um modelo, muito mais do que uma solução emergencial para a pandemia do Covid-19, é uma ideia amarga para o mercado imobiliário

Por Redação The Shift 19/05/2020

O aviso partiu da OMSo coronavírus pode permanecer entre nós para sempre. Precisaremos aprender a conviver com ele. O que inclui manter distância física de aproximadamente 2 metros para qualquer outra pessoa em áreas de convívio social, como os ambientes de trabalho. Quem pode – como Facebook, Google, e aqui a XP Investimentos e a Zee Dog – decidiu estender o home office até o fim do ano. Ou para sempre, como anunciou o Twitter. Prematuro? Talvez. Certo mesmo é que no novo normal a presença nos escritórios será a exceção, determinada pela função ou pela ocasião (até o excesso de reuniões estará em xeque).

É o fim dos escritórioscomo já chegaram a afirmar? Definitivamente, não. Mas, seguramente, o fim dos espaços exíguos entre mesas e cadeiras. O formato de escritório em plano aberto tornou-se subitamente mais arriscado do que revolucionário. Teremos, talvez, a volta das baias e das salas individuais. E das amplas salas de reunião. O que pode levar a aumento de área física, em vez de redução. Ou a um melhor aproveitamento de áreas existentes e cancelamento dos planos de expansão. Cenários que têm embalado a reestruturação do mercado imobiliário corporativo, inclusive aqui no Brasil.

Uma pesquisa realizada pela PwC apontou que um quarto dos CFOs das empresas já estava pensando em cortar boa parte de seus contratos de escritórios. O Selectors Guild, cujos membros ajudam as companhias a alugar espaços em novos edifícios, informou que metade das buscas por escritórios nos Estados unidos havia sido congelada, desde a chegada da pandemia.

Conteúdo exclusivo para membros da The Shift

Experimente grátis por 30 dias

Três estudos revelam que a privacidade passou a ser obrigatória, de fato

Tendências

Três estudos revelam que a privacidade passou a ser obrigatória, de...

As legislações ajudaram. Solicitações de acesso a dados estão servindo como catalisador para programas de privacidade mais amplos e profundos. Mas há muito mais em jogo

Por Redação The Shift
Compartilhar dados é bom para os negócios

Inovação

Compartilhar dados é bom para os negócios

Mesmo quando evidências apontam que todo mundo que participar pode sair ganhando, a mentalidade de data sharing ainda está emperrando na questão da confiança

Por Redação The Shift
Com trabalho remoto, startups abandonam hubs de tecnologia

Tendências

Com trabalho remoto, startups abandonam hubs de tecnologia

Empresas norte-americanas buscam aluguéis mais baratos em um contexto onde a maioria dos profissionais vai continuar em trabalho remoto

Por Redação The Shift
As tendências para o futuro do mercado imobiliário

Tendências

As tendências para o futuro do mercado imobiliário

Estudo anual da PwC analisa os movimentos acelerados pela pandemia nos EUA e destaca a necessidade de repensar a vida urbana

Por Redação The Shift
Previsões do Gartner para usuários de TI nos próximos 5 anos

Inovação

Previsões do Gartner para usuários de TI nos próximos 5 anos

As tecnologias que conduzirão à redefinição de tudo têm três pontos em comum: promovem maior inovação e eficiência; são mais eficazes que as atuais; e transformarão a sociedade

Por Redação The Shift
2021 será um ano de muitas e variadas nuvens no horizonte

Tendências

2021 será um ano de muitas e variadas nuvens no horizonte

Híbridas e distribuídas, elas exigirão cada vez mais especialização para encontrar o caminho mais adequado e de menor custo

Por Redação The Shift