s
Crédito: Dreamstime
TENDÊNCIAS

O futuro do mercado imobiliário

Com o uso de tecnologia e de olho nos padrões de sustentabilidade, é possível engajar os stakeholders em toda a cadeia de valor da indústria

Por Soraia Yoshida 25/04/2021

Os edifícios e cidades devem ser habitats habitáveis ​​adequados para gerar uma existência rica e culturalmente vibrante. Devem ser sustentáveis, otimizados para emissão zero de carbono em todos os aspectos, da construção às operações. Devem ser resilientes, capazes de se adaptar a quaisquer exigências que possam surgir, sejam tempestades e inundações ou apenas mudanças nos padrões de trabalho e vida. E devem ser acessíveis, com habitação, transporte e serviços essenciais disponíveis para todos os cidadãos.

Essa é a visão expressa no relatório “Framework for the Future of Real Estate 2021” (Estrutura para o futuro do mercado imobiliário, em tradução livre), publicado pelo Fórum Econômico Mundial (WEF, na sigla em inglês), que traça as linhas gerais de como o mercado imobiliário precisa se reinventar no pós-pandemia. Com o uso de tecnologia e de olho nos padrões de sustentabilidade, é possível engajar os stakeholders em toda a cadeia de valor da indústria, garantem os autores Coen van Oostrom, fundador e CEO da Edge Technologies, e Christian Ulbrich, diretor executivo global e presidente da JLL, ambos integrantes do Setor Imobiliário do WEF.

O mercado imobiliário é uma classe de ativos de investimento que responde por 10% do PIB global. Na última década, o setor experimentou um crescimento sem precedentes em valor (acima de 3% em taxa composta de crescimento anual) e aumento nos volumes de investimento (mais de 14% de taxa composta de crescimento anual). Mas é um setor que está ficando para trás em termos de transformação digital, até pela falta de visão estratégica das empresas em encarar que o ecossistema como um todo precisa mudar, aponta o relatório.

Este é um conteúdo exclusivo para assinantes.

Cadastre-se grátis para ler agora
e acesse 5 conteúdos por mês.

É assinante ou já tem senha? Faça login. Já recebe a newsletter? Ative seu acesso.

Um planeta sob nova direção

Tendências

Um planeta sob nova direção

Homem e natureza são parte do mesmo sistema interconectado. Se um destrói o outro, sucumbirá em seguida. Com esta certeza, universidades, ONGs e empresas privadas estão se unindo para criar centros de conhecimento de Desenvolvimento Reg...

Um

Tendências

Um "canvas donut" para negócios

Uma economia regenerativa, distributiva e próspera, na qual as necessidades humanas básicas e os recursos do planeta são equilibrados para garantir o bem-estar coletivo e planetário. Parece uma proposta razoável? É a Economia Donut, c...

Consumidores em 2023: cautelosos e ecoeconômicos

Tendências

Consumidores em 2023: cautelosos e ecoeconômicos

Pesquisa realizada pela consultoria de inteligência de negócios global Euromonitor International mapeou as 10 Principais Tendências Globais de Consumo em 100 países

IA e a construção da estratégia

Inteligência Artificial

IA e a construção da estratégia

A IA estratégica é uma ferramenta que pode simplificar a vida dos executivos. Um meio de acelerar o impacto, lidar com disrupções e desbloquear novas oportunidades de mercado. Mas ela deve servir ao negócio e não o contrário.

A erupção dos

Tendências

A erupção dos "colarinhos verdes"

As empresas que, no ano passado, sofreram uma fuga de talentos poderão ter dificuldades se quiserem contratar uma nova leva de profissionais. É que os green jobs estão absorvendo esta mão-de-obra, ao mesmo tempo em que a qualifica.

Identidade digital descentralizada, o passaporte para a Web3

Tendências

Identidade digital descentralizada, o passaporte para a Web3

Entre suas muitas finalidades, sistema permite aos usuários gerenciar suas identidades online de forma mais segura e eficiente, sem depender de uma autoridade central