s

TENDÊNCIAS

Clubhouse: rede social do futuro ou app da moda na pandemia?

Em pouco mais de um ano, plataforma de conversas por áudio chegou a 6 milhões de usuários e pode alcançar valuation de US$ 1 bilhão

Por Redação The Shift 08/02/2021

Quer sentir o gostinho dos pioneiros desbravadores da Internet diante de uma aplicação que ninguém sabe muito bem onde vai dar? Experimente o Clubhouse. Melhor exemplo de como é possível inovar usando tecnologias disponíveis há tempos, derrubando algumas barreiras como localização geográfica (a China está fora) e idiomas, focando nos interesses em comum e no desejo de interação com qualquer usuário, por voz.

A mecânica é um misto de Twitter com WhatsApp. Você segue pessoas e é seguido por elas. E a conversa se dá em salas (grupos) permanentes ou temporárias (minutos ou horas), mesmo com pessoas fora da sua lista de contatos diretos. Como muitas conversas rolam ao mesmo tempo, o FOMO é enorme! Há sempre aquela sensação de estar perdendo algo mais interessante. Tem muita gente perdendo noites de sono. Ou suplicando por um convite. Única forma de participar.

O aplicativo decolou em 2021. A rede social que promove grupos de conversas temáticas por áudio foi lançada em versão beta no início do ano passado pelos empreendedores Paul Davison e Rohan Seth, em maio, alcançou um valuation de US$ 100 milhões mesmo com apenas 1,5 mil usuários. O app continua em fase de testes apenas para quem tem iPhone, mas já bateu a marca dos 6 milhões de usuários registrados. Agora,um novo investimento, ainda sem valor revelado, pode elevar o valor de mercado da rede para US$ 1 bilhão, e assim alcançar o posto de startup mais rápida a atingir o status de unicórnio dos EUA.

Conteúdo exclusivo para membros da The Shift

Aproveite a promoção e assine

Áudio e voz estão entre as maiores tendências para as redes sociais

Tendências

Áudio e voz estão entre as maiores tendências para as redes sociais

Enquanto plataformas de vídeos ainda lideram o mercado, o ecossistema de inovação aposta em ferramentas de áudio e conversa por voz como alternativa de conteúdo

Por João Ortega
Tendências para Voice AI em 2021, na visão da indústria

Inteligência Artificial

Tendências para Voice AI em 2021, na visão da indústria

Nos próximos meses veremos a expansão do uso inteligente da voz para quase todas as áreas de negócios e da vida, oferecendo conforto e segurança para a realização de tarefas complexas

Por Cristina De Luca
Chat de voz e vídeo são o novo hit da pandemia

Tendências

Chat de voz e vídeo são o novo hit da pandemia

A necessidade da vivência e da troca de ideias com desconhecidos abriu espaço para salas virtuais em que é possível conversar, ouvir ou mesmo sentir que se é parte de uma festa

Por Redação The Shift