s
Crédito: Shutterstock
STARTUPS

Startups: recorde atrás de recorde

As startups da América Latina também bateram recordes, saltando de US$ 5,4 bilhões em investimentos, em 2020, para US$ 20,2 bilhões, no último ano

Não há dúvidas que 2021 foi um ano excepcional para as startups — a cada novo relatório, o boom de capital no mercado é comprovado. Globalmente, os investimentos de risco em startups atingiram o recorde de US$ 621 bilhões, em 2021, segundo o "State Of Venture 2021 Report", do CB Insights. O total é mais que o dobro dos US$ 294 bilhões de 2020. Com US$ 311,2 bilhões, os Estados Unidos registraram a maior quantidade de capital aportado, seguidos de Ásia (US$ 175,9 bilhões), Europa (US$ 93,3 bilhões) e América Latina (US$ 20,2 bilhões).

Como resultado do boom dos investimentos, a lista de unicórnios ficou maior no último ano. Foram 517 novas startups ultrapassando o valuation de US$ 1 bilhão, o que elevou a contagem total para 959. O ecossistema global de inovação também já possui 44 decacorns (startups avaliadas em mais de US$ 10 bilhões). As fintechs são o grande destaque, sendo 1 em cada 4 unicórnios globais. O destaque é de se esperar, já que a vertical recebe US$ 1 em cada US$ 5 investidos em startups e captou US$ 132 bilhões em 2021.

  • A digitalização em várias indústrias elevou as transações de M&A: as fusões e aquisições ultrapassaram a marca de 10 mil pela primeira vez em 2021, atingindo 10.792 deals.
  • 2021 assistiu a 1.556 mega rodadas. O resultado desbancou o antigo recorde de 630 mega rodadas, registrado em 2020.
  • early stage domina os aportes, com 62% do total. Em segundo lugar aparece o mid stage (15%), seguido do late stage (12%).

As startups da América Latina também bateram recordes, saltando de US$ 5,4 bilhões em investimentos, em 2020, para US$ 20,2 bilhões, no último ano. A maioria (71%) dos aportes na região são de early stage, mas outros estágios ganharam espaço. O mid stage que registrou o maior crescimento anual, saindo dos 7%, em 2020, para 11%.

Este é um conteúdo exclusivo para assinantes.

Cadastre-se grátis para ler agora
e acesse 5 conteúdos por mês.

É assinante ou já tem senha? Faça login. Já recebe a newsletter? Ative seu acesso.

Após regulamentação, startups inovam na telemedicina veterinária

Tendências

Após regulamentação, startups inovam na telemedicina veterinária

O atendimento remoto já era praticado, mas regulamentação deve fazer o modelo evoluir. Novas oportunidades de negócio foram criadas.

Simple2u: como a MAG enfrenta a transformação dos seguros

Entrevista

Simple2u: como a MAG enfrenta a transformação dos seguros

Em entrevista exclusiva à THE SHIFT, Leonardo Lourenço, Head Geral da Simple2u, conta como a insurtech criada dentro do sandbox regulatório da Susep, repensa o segmento.

A economia espacial vai crescer e gerar mais inovação na Terra

Inovação

A economia espacial vai crescer e gerar mais inovação na Terra

O ex-CTO da NASA e CEO da Space Tech Astra, Chris Kemp, acredita que é necessário criar uma economia espacial aberta, na qual colaborações inventivas a tornem livre e competitiva.

Por Linda Lacina | Fórum Econômico Mundial
Energia perdida no ar para a Indústria 4.0

Internet das Coisas

Energia perdida no ar para a Indústria 4.0

Deep tech brasileira criou um método para reciclar ondas eletromagnéticas dispersas no ar como fonte de energia para dispositivos IoT. A solução se encaixa na crescente digitalização da Economia.

Venture Debt ganha tração no Brasil

Startups

Venture Debt ganha tração no Brasil

As vantagens? Capitalizar e alavancar o crescimento das empresas sem diluição societária e com ganhos maiores para os investidores credores, com direito a bônus se a startup for bem-sucedida

Correção no mercado latino: investimentos caem, mas otimismo se mantém

Tendências

Correção no mercado latino: investimentos caem, mas otimismo se mant...

Segundo estudo da LAVCA, 2022 já é o segundo melhor ano para os investimentos de Venture Capital na América Latina.