s
A indústria investe em embalagens comestíveis Crédito: EARL STUDIOS/STONYFIELD

INOVAÇÃO

Desperdício x Design. É hora de repensar tudo

O mundo corporativo tradicional e as startups globais aceleraram a velocidade das mudanças no design de produtos e embalagens, que agora podem ser comestíveis

Por Silvia Bassi 29/01/2021

Transformação by design. Na economia circular, o conceito vai muito além do reaproveitamento e reciclagem dos materiais e dos objetos para gerar riqueza e crescimento econômico. Um efeito colateral de um ano de pandemia é ver o mundo corporativo tradicional e startups globais acelerarem a velocidade na direção do impacto que mudanças drásticas no design de produtos e embalagens podem trazer para a equação.

Entramos em um cenário de "coma a sua comida e a embalagem também", como bem descreve o recente artigo da National Geographic, mostrando que tigelas podem ser feitas a partir do micelio dos cogumelos, e canudos podem ser produzidos por demanda em impressoras 3D usando uma mistura de açúcar e gelatina derivada de algas marinhas (agar).

Algumas empresas apostam em embalagens com uma película bem fina que envolve o alimento, mas é comestível

Conteúdo exclusivo para membros da The Shift

Aproveite a promoção e assine

A revolução das marmitas

Entrevista

A revolução das marmitas

Nelson Andreatta, Founder e CEO da Eats For You, adora a comida da mãe e está decidido a ganhar dinheiro resolvendo o problema de milhares de mulheres e homens, que sofrem com a falta de emprego e baixa renda, pela cozinha

Por Silvia Bassi
Insetos são alternativa sustentável para alimentação do futuro

Tendências

Insetos são alternativa sustentável para alimentação do futuro

Mercado de proteína de insetos atrai investidores, movimenta ecossistema de inovação e conta com apoio da comunidade científica

Por João Ortega
Muito além do alimento

Entrevista

Muito além do alimento

Você é o que você come. Mas para a Nestlé o alimento não é apenas um pacotinho calórico e nutricional, mas sim a diferença que tira você do hospital mais cedo, diz Monica Meale, Head da Nestlé Health Science Latam

Por Silvia Bassi