s
STARTUPS

Criatividade, sorte ou esperteza? Como uma startup sobrevive?

Olhando para os dados, a grande maioria das startups não irão passar a marca de 10 anos de existência. Como será que uma startup consegue sobreviver? A doutora Tina Seeling explica como.

Por Silvia Bassi 02/07/2024

No longo prazo (mais de 15 anos), de cada dez startups, em média apenas 10% vão sobreviver (esticando bem a corda, dá para chegar a 20%). A taxa de sucesso dos projetos de inovação e transformação digital das empresas estabelecidas não fica muito longe: na média das estatísticas mais recentes, 87% deles não geram resultados e não conseguem ser escalados.

O que diferencia esses 20% do resto do grupo? Já deu para ver que não são, necessariamente, os recursos financeiros. As empresas, e projetos, que prosperam, são tocados por lideranças que "identificam oportunidades, desafiam suposições, alavancam recursos limitados e lançam mão da criatividade para gerar o máximo possível de valor para o negócio"como descreve a doutora Tina Seelig, professora de Management Science and Engineering (MS&E) na Stanford School of Engineering, diretora emérita do STVP (Stanford Engineering Entrepreneurship Center) e especialista em inovação, criatividade e empreendedorismo.

Tina é conhecida, globalmente, por protagonizar uma das mais interessantes aulas práticas de empreendedorismo e criatividade em Stanford, em 2009. Na aula para estudantes de Engenharia, ela lançou um desafio: com apenas cinco dólares de "seed money", 14 equipes deveriam gerar o máximo de valor em um prazo de duas horas. A equipe vencedora captou US$ 650 em apenas 3 minutos. Para não estragar a graça da história, você pode acompanhar a explicação nesse vídeo, narrado pela própria Tina Seelig.

Este é um conteúdo exclusivo para assinantes.

Cadastre-se grátis para ler agora
e acesse 5 conteúdos por mês.

É assinante ou já tem senha? Faça login. Já recebe a newsletter? Ative seu acesso.

Criatividade, sorte ou esperteza? Como uma startup sobrevive?

Startups

Criatividade, sorte ou esperteza? Como uma startup sobrevive?

Olhando para os dados, a grande maioria das startups não irão passar a marca de 10 anos de existência. Como será que uma startup consegue sobreviver? A doutora Tina Seeling explica como.

IA Generativa: avanço depende da melhoria da educação no Brasil

Startups

IA Generativa: avanço depende da melhoria da educação no Brasil

Estudo do Google for Startups mostra que é preciso conhecimento e análise crítica sobre a tecnologia para chegar ao próximo nível

Radiografia dos negócios de impacto no Brasil

Startups

Radiografia dos negócios de impacto no Brasil

O primeiro relatório "Startup de Impacto Report Brasil" do Observatório Sebrae de Startups apresenta o panorama das principais startups de impacto no Brasil.

O negócio de fechar startups

Startups

O negócio de fechar startups

Empresas especializadas em fechar startups, como a Sunset e SimpleClosure, estão recebendo investimentos de milhões de dólares mostrado o início de um novo mercado.

O sucesso está na cabeça dos fundadores

Startups

O sucesso está na cabeça dos fundadores

Um novo estudo científico sobre startups dá uma nova dimensão à frase "personalidade de sucesso"

Scale-ups para ficar de olho em 2024

Startups

Scale-ups para ficar de olho em 2024

Scale-ups são startups que chegaram à vida adulta e crescem, no mínimo 20% ao ano, sua receita recorrente. Sua habilidade de escalar os negócios merece ser estudada pelas empresas tradicionais, já que apenas uma em cada 200 startups ch...