s

ENTREVISTA

CEO do Gympass prevê futuro híbrido digital e offline para o bem-estar

Priscila Siqueira lidera o “unicórnio das academias” no Brasil e revela, em entrevista exclusiva, como a startup pivotou para uma plataforma digital durante a pandemia

Por João Ortega 23/10/2020

Um dos principais desafios quando uma startup cresce é manter a cultura de inovação forte durante o processo. A agilidade na tomada de decisão e a capacidade de pivotar são características que não devem ser descartadas no meio do caminho. Nos períodos de maior incerteza, são esses valores que diferenciam as organizações realmente disruptivas.

O Gympass provou em 2020 que ultrapassar mil funcionários, ter presença em 12 países e atingir um valuation acima do US$ 1 bilhão não comprometeu a veia de inovação da startup. “Se você comparar o Gympass hoje ao que era em março, virou outra coisa”, diz Priscila Siqueira, CEO do unicórnio no Brasil, à The Shift.

Em seis meses, a startup brasileira viu seu principal produto – academias e estúdios – ficar irrelevante em meio à pandemia; antecipou o lançamento de uma plataforma digital de bem-estar com aplicativos parceiros; expandiu suas soluções para o público infantil; e agora projeta um futuro híbrido entre o físico e o digital.

Conteúdo exclusivo para membros da The Shift

Aproveite a Cyber Week e assine

O modo como um CEO se comunica diz tudo sobre liderança

Liderança

O modo como um CEO se comunica diz tudo sobre liderança

Diante da necessidade de manter suas equipes engajadas, muitos líderes de negócios tropeçam em armadilhas como falta de clareza ou simplesmente preferem não dizer nada

Por Cristina De Luca
Por mais mulheres na liderança

Carreira

Por mais mulheres na liderança

No mundo corporativo, um levantamento indica que apenas 46% se dizem plenamente confortáveis com uma mulher como chefe. Em organizações brasileiras, o número cai para 43%

Por Redação The Shift
10 futuros possíveis depois da pandemia

Inovação

10 futuros possíveis depois da pandemia

A disrupção causada pelo novo coronavírus abriu um abismo de incertezas para empresas, que consultorias e futuristas estão tentado preencher

Por Redação The Shift