s
O empreededor britânico Richard Branson, do grupo Virgin, na sede da Virgin Galactic, que pretende levar turistas ao espaço Crédito: Virgin Galactic

LIDERANÇA

O modo como um CEO se comunica diz tudo sobre liderança

Diante da necessidade de manter suas equipes engajadas, muitos líderes de negócios tropeçam em armadilhas como falta de clareza ou simplesmente preferem não dizer nada

Por Cristina De Luca 21/04/2020

O coronavírus colocou os líderes de negócios em uma posição crítica. Eles têm responsabilidades consideráveis com seus clientes, parceiros, acionistas, mas principalmente com os funcionários. Dados da Forrester revelam que os funcionários confiam mais em seus empregadores como fonte de informações sobre a Covid-19 do que em governos e sites de mídia social.

CEOs e líderes em geral têm importantes papéis a desempenhar nesse momento de crise. Mas muitos parecem perdidos diante da necessidade de manter a tropa engajada e confiante. Este artigo publicado pela The Conversation revisou 21 estudos acadêmicos sobre comunicação de liderança executiva e analisou 12 estudos setoriais relacionados à comunicação organizacional e de liderança durante a pandemia. E apontou os cinco requisitos mais importantes: transparência, autenticidade, empatia, humanidade e otimismo.

Quem seguiu essa cartilha? Os CEOs da Marriott, Arne Sorenson, da Microsoft, Satya Nadella, o da Levi Strauss, Chip Bergh, e muitos outros. Nós recomendamos muito a leitura da carta do CEO do Virgin Group, Richard Branson. “Sei o quanto vocês se importam com seu trabalho, suas empresas e, principalmente, um com o outro, então pensei que era importante que todos soubessem os fatos reais. Nas cinco décadas em que estive nos negócios, esse é o momento mais desafiador que já enfrentamos. Do ponto de vista comercial, os danos a muitos não têm precedentes e a duração da interrupção permanece preocupantemente desconhecida”, diz.

Conteúdo exclusivo para membros da The Shift

Aproveite a promoção e assine

Falta de pessoas

Liderança

Falta de pessoas "tech savvy" na alta gestão prejudica negócios

Sem competências digitais, a transformação digital padece. Só 59% das ofertas de emprego para C-Level ou board pedem alguma habilidade digital. No caso de CEOs, nem isso

Por Silvia Bassi
Cuidado! Sua IA pode estar resolvendo o problema errado

Inteligência Artificial

Cuidado! Sua IA pode estar resolvendo o problema errado

Devemos desafiar sistematicamente a forma como estruturamos os problemas, para evitar que a IA nos impeça de ver o que desejamos ver e revele o que pode estar presente nos dados

Por Cristina De Luca
Por que uma liderança vulnerável é essencial para inovação

Liderança

Por que uma liderança vulnerável é essencial para inovação

Embora o conceito da liderança vulnerável ou liderança humanizada já esteja valendo há pelo menos uma década, na prática ainda ouvimos falar de muitos líderes que estão bem longe de exercitar e desenvolver essa postura

Por Soraia Yoshida
Colaboração entre CFOs e CIOs é crítica para transformação digital

Liderança

Colaboração entre CFOs e CIOs é crítica para transformação digit...

Os efeitos econômicos da pandemia de Covid-19 ensinaram aos CFOs lições práticas sobre a importância da tecnologia para a resiliência e a inovação, afirma pesquisa da Rimini Street

Por Cristina De Luca
Como sua empresa pode atrair e reter talentos

Liderança

Como sua empresa pode atrair e reter talentos

Em um mercado em que grandes profissionais estão sendo disputados até por empresas fora do país, as companhias precisam entender o que pode atrair e reter talentos

Por Soraia Yoshida
Como lideranças podem desenvolver times de alta performance

Liderança

Como lideranças podem desenvolver times de alta performance

Confiança, autonomia, comunicação, segurança psicológica, aprendizado contínuo, trabalho colaborativo: todos esses elementos entram na criação de uma equipe de alta performance. Mas a liderança tem que entender e direcionar seu tim...

Por Soraia Yoshida