s
Gráfico Chartr indica interesse crescente pelo ChatGPT - FOTO: Banco de Imagem Mão robótica digita em teclado
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

A IA mais inteligente é burra sem pessoas

A IA está em constante mudança e prestes a crescer em poder e influência. Este foi o ano da IA Generativa e com ela aprendemos que apps como o ChatGPT sabem como responder, mas não a resposta em si. Entretanto, uma coisa é certa: a Inteligência Artificial chegou para atuar como coautora e nos potencializar como humanos.

Entre as maiores notícias de tecnologia deste ano estão o lançamento de vários aplicativos de IA Generativa, incluindo aplicativos de produção de imagens, como o Stable Diffusion e o Midjourney e, mais recentemente, de produção de texto como o ChatGPT.

Na última semana, vimos o interesse em massa despertado pelo ChatGPT.

Gráfico Chartr indica interesse crescente pelo ChatGPT

Este é um conteúdo exclusivo para assinantes.

Cadastre-se grátis para ler agora
e acesse 5 conteúdos por mês.

É assinante ou já tem senha? Faça login. Já recebe a newsletter? Ative seu acesso.

O J.A.R.V.I.S. está mais próximo

Inteligência Artificial

O J.A.R.V.I.S. está mais próximo

Os lançamentos do GPT-4o da OpenAi e o Project Astra do Google mostram que as inteligências artificiais vistas no cinema estão cada vez mais próximas da realidade.

O BYOAI já está entre nós

Inteligência Artificial

O BYOAI já está entre nós

Os colaboradores estão cada vez mais utilizando ferramentas de inteligência artificial no trabalho por conta própria, revela estudo da Microsoft.

Com tanta urgência no mundo, será que dá para falar em desacelerar? 

Tendências

Com tanta urgência no mundo, será que dá para falar em desacelerar?...

É importante pensar no assunto, porque esse é o grande desejo dos consumidores segundo a 10⁠ª edição do The Future 100, realizado pelo grupo de publicidade VML

Modelos de linguagem têm limite?

Inteligência Artificial

Modelos de linguagem têm limite?

O lançamento do Phi-3 e do Snowflake Arctic mostra como os novos modelos de linguagem estão cada vez mais avançados.

LLMs autoevolutivos avançam

Inteligência Artificial

LLMs autoevolutivos avançam

E se os grandes modelos de linguagem pudessem aprender com as próprias experiências, sem intervenção humana? Essa é uma área de pesquisa promissora, mas há obstáculos a superar.

A IA matará a Web?

Inteligência Artificial

A IA matará a Web?

O que está em jogo quando o excesso de conteúdo sintético se encontra com os LLMOs, mecanismos de otimização de conteúdos para busca alimentada IA?