s
Experiência imersiva em century City: em breve, em um shopping perto de você, aponta estudo Crédito: Divulgação
TENDÊNCIAS

10 tendências de consumo que vão criar o shopping center do futuro

A partir de tecnologias como VR e AR, o shopping center está transicionando de modelo para se tornar um espaço para as mais variadas atividades

Por Soraia Yoshida 23/12/2021

Para quem teve sua morte anunciada em 2019, o shopping center continua vivinho da silva. E até 2030 deve ganhar uma repaginada que poderá tornar a nossa ideia de um centro de consumo e lazer completamente obsoleta. Em menos de uma década, o shopping center terá incorporado aspectos híbridos que abrigarão experiências sensoriais envolvendo óculos de Realidade Virtual (VR), macacões e luvas táteis – tudo a um custo muito mais baixo do que hoje.

Os novos shoppings poderão ser locais programados e adaptados para um número praticamente infinito de atividades, segundo um recente relatório da Ericsson ConsumerLab Insight. O report contém previsões feitas por usuários early adopters de tecnologias como Realidade Virtual (VR), Realidade Aumentada (AR) e assistentes digitais em Delhi, Dublin, Jacarta, Johanesburgo, Londres, Cidade do México, Moscou, Nova York, San Francisco, São Paulo, Xangai, Estocolmo, Sydney e Tóquio. Eles avaliaram 15 shopping centers híbridos – que mesclam o consumo e o lazer físico com experiências digitais.

De acordo com o estudo “10 Hot Consumer Trends”, 79% dos respondentes acreditam que todos os conceitos testados estarão disponíveis até 2030. E 85% afirmaram que querem experimentar pelo menos dez dessas instalações. Além disso, 42% gostariam de contar com pelo menos cinco dessas instalações em seu shopping local. O relatório aponta que esse novo espaço multiuso que deve surgir – batizado de Everyspace Plaza – vai tomar o lugar do shopping center tradicional, ao explorar tendências tecnológicas que aproximam o mundo real do virtual.

Conteúdo exclusivo para membros da The Shift

Aproveite a promoção e assine

Trabalhadores esperam que CEOs sejam a

Tendências

Trabalhadores esperam que CEOs sejam a "face da mudança"

Mais de 70% das pessoas confiam nas empresas, mas a falta de confiança em governantes pode afetar ações de combate à pandemia e mudanças climáticas, aponta Barômetro de Confiança Edelman

Por Kate Whiting, Fórum Econômico Mundial
5 tendências que os unicórnios mudaram para sempre

Inovação

5 tendências que os unicórnios mudaram para sempre

Dos veículos elétricos à plataformização de serviços e ao welness virtual, os unicórnios mudaram negócios e todo mundo tem que correr para acompanhar

Controle, prazer e ética: tendências para o consumo em 2022

Tendências

Controle, prazer e ética: tendências para o consumo em 2022

O sentimento de precariedade e insegurança financeira faz com que as pessoas busquem recuperar um senso de controle sobre todos os aspectos da sua vida

Virtual influencers encontram o metaverso

Inteligência Artificial

Virtual influencers encontram o metaverso

Também nos ambientes 3D, os influenciadores virtuais podem humanizar toda a identidade de uma marca e se tornar a representação mais pessoal dos valores de uma empresa

Plataformas Low-Code e No-Code apoiam a transformação digital

Inovação

Plataformas Low-Code e No-Code apoiam a transformação digital

Startups Low-Code e No-Code permitem que empresas lancem produtos digitais mais rápido e com menos envolvimento das equipes de TI.

Por Marina Hortélio
Kwai aponta 8 tendências para as plataformas de vídeos curtos em 2022

Inovação

Kwai aponta 8 tendências para as plataformas de vídeos curtos em 202...

Plataformas de vídeos curtos, como Kwai e TikTok, ganharam força na pandemia e devem continuar crescendo em 2022

Por Marina Hortélio