s
A IA na área da saúde tem enorme potencial, mas ainda precisamos destravá-lo Crédito: Shutterstock

INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

A Healthcare AI precisa cair na real

A Inteligência Artificial tem o poder de mudar o setor de saúde para melhor. Mas desbloquear todo o potencial da tecnologia requer que sejamos mais realistas sobre suas limitações

Por Cristina De Luca 05/05/2021

A Inteligência Artificial há muito promete tornar o trabalho de saúde mais fácil para os médicos e melhor para os pacientes. Mas, apesar das muitas frentes abertas e dos avanços nos mais diversos campos, como diagnóstico médico, descoberta de medicamentos, ensaios clínicos, e tratamento da dor, a verdade é que ainda estamos na infância da Healthcare AI. Há muito ainda a ser feito para desbloquear todo o potencial da tecnologia nesse setor.

Não por acaso, vozes como as de Fei-Fei Li, co-diretora e especialista em visão computacional do Institute for Human-Centered AI (HAI) e seu colega Andrew Ng, fundador do Google Brain, ex-cientista-chefe do Baidu e, atualmente, professor adjunto de Stanford, têm alertado para o fato de que os avanços desejados para o uso da IA na Saúde dependem claramente da conscientização e superação das limitações atuais da tecnologia. Deixar de reconhecer sua complexidade pode prejudicar o florescimento da Healthcare AI na próxima década. Segundo eles, a IA não transformará a saúde até 2030.

Na opinião de Ng, existem várias barreiras para fazer a IA ser ainda mais funcional na área da saúde. Os algoritmos precisam ser melhores e lidar com os problemas certos. Hoje, modelos que parecem bons em condições de laboratório nem sempre funcionam bem no mundo real. Além disso, nem todos os dados necessários estão digitalizados.

Conteúdo exclusivo para membros da The Shift

Aproveite a promoção e assine

Depois do personal shopper, vem aí o personal health IA?

Inteligência Artificial

Depois do personal shopper, vem aí o personal health IA?

Para atender medidas regulatórias e critérios de privacidade, os dados médicos do indivíduo ficariam armazenados em bases de dados em cada país

Por Redação The Shift
Sistemas de IA que leem frases agora detectam mutações nos vírus

Inteligência Artificial

Sistemas de IA que leem frases agora detectam mutações nos vírus

Algoritmos de NLP projetados para palavras e frases também podem ser usados para interpretar mudanças genéticas em vírus - acelerando o trabalho de detecção de novas variantes

Por Cristina De Luca
IA e a detecção precoce de doenças

Inteligência Artificial

IA e a detecção precoce de doenças

É difícil saber o quão precisos os sistemas serão, em novas situações como a Covid. Mas eles têm ajudado a consolidar a IA como uma nova primeira linha de defesa contra doenças

Por Redação The Shift
Como prever e prevenir a próxima pandemia?

Healthtech

Como prever e prevenir a próxima pandemia?

O setor de tecnologia, o poder público, organizações internacionais e a academia podem colaborar para criar um sistema de alerta

Por João Ortega
Vigilância genômica na linha de frente

Entrevista

Vigilância genômica na linha de frente

A cientista e bioquímica Jaqueline Góes defende a importância da popularização do conhecimento científico para o futuro da nossa sociedade, e da vigilância genômica como ferramenta de prevenção para futuras epidemias

Por Cristina De Luca
Machine Learning identifica em 5 minutos vírus da Covid-19

Inteligência Artificial

Machine Learning identifica em 5 minutos vírus da Covid-19

Pesquisadores da Universidade de Oxford estão levantando investimentos para transformar o teste rápido em um produto que pode ser usado em aeroportos e até shows

Por Redação The Shift