s
Entre 15 e 20 de setembro de 2022, a rede de blockchain Ethereum promoverá "The Merge", a maior alteração no funcionamento da mineração e validação de suas moedas
TENDÊNCIAS

Vem aí a grande fusão do Ethereum

The Merge (ou A Fusão) não só vai mudar como a criptomoeda da plataforma é minerada e validada, como também reduzirá em 99,95% o consumo de energia para gerar e validar essas moedas

Por Silvia Bassi 20/08/2022

A maior e, provavelmente, a mais importante atualização de software da história da rede blockchain Ethereum está programada para acontecer em setembro, entre os dias 15 e 20. Chamada The Merge (ou A Fusão) ela não só vai mudar como o ether (ETH) - a criptomoeda da plataforma - é minerada e validada, como também vai reduzir em 99,95% o consumo de energia para gerar e validar essas moedas.

Em gestação há anos, como parte de um longo road map de upgrades que vai até 2024, a mudança deverá também aumentar a segurança e a velocidade das transações - itens fundamentais para ampliar o escopo da plataforma. O ETH hoje é a segunda criptomoeda mais valiosa do mundo (market cap acima de US$ 220 bilhões): hoje existem 121 milhões de ether em circulação. Portanto não é difícil entender porque o extremo cuidado nessa mudança.

Proposta em 2013 pelo programador russo-canadense Vitalik Buterin, a rede Ethereum entrou em funcionamento em 2015. A plataforma, como concebeu Buterin, vai além de ser uma rede blockchain para uma criptomoeda. A Ethereum foi projetada em um modelo Open para que os desenvolvedores pudessem criar aplicativos descentralizados (dapps) e tornou-se parte fundamental da DeFi, permitindo a criação de smart contracts e o nascimento dos NFTs, por exemplo.

Do que estamos falando afinal?

Este é um conteúdo exclusivo para assinantes.

Cadastre-se grátis para ler agora
e acesse 5 conteúdos por mês.

É assinante ou já tem senha? Faça login. Já recebe a newsletter? Ative seu acesso.

Um planeta sob nova direção

Tendências

Um planeta sob nova direção

Homem e natureza são parte do mesmo sistema interconectado. Se um destrói o outro, sucumbirá em seguida. Com esta certeza, universidades, ONGs e empresas privadas estão se unindo para criar centros de conhecimento de Desenvolvimento Reg...

Um

Tendências

Um "canvas donut" para negócios

Uma economia regenerativa, distributiva e próspera, na qual as necessidades humanas básicas e os recursos do planeta são equilibrados para garantir o bem-estar coletivo e planetário. Parece uma proposta razoável? É a Economia Donut, c...

Consumidores em 2023: cautelosos e ecoeconômicos

Tendências

Consumidores em 2023: cautelosos e ecoeconômicos

Pesquisa realizada pela consultoria de inteligência de negócios global Euromonitor International mapeou as 10 Principais Tendências Globais de Consumo em 100 países

IA e a construção da estratégia

Inteligência Artificial

IA e a construção da estratégia

A IA estratégica é uma ferramenta que pode simplificar a vida dos executivos. Um meio de acelerar o impacto, lidar com disrupções e desbloquear novas oportunidades de mercado. Mas ela deve servir ao negócio e não o contrário.

A erupção dos

Tendências

A erupção dos "colarinhos verdes"

As empresas que, no ano passado, sofreram uma fuga de talentos poderão ter dificuldades se quiserem contratar uma nova leva de profissionais. É que os green jobs estão absorvendo esta mão-de-obra, ao mesmo tempo em que a qualifica.

Identidade digital descentralizada, o passaporte para a Web3

Tendências

Identidade digital descentralizada, o passaporte para a Web3

Entre suas muitas finalidades, sistema permite aos usuários gerenciar suas identidades online de forma mais segura e eficiente, sem depender de uma autoridade central