s
Crédito: Noah Windler/Unsplash
MERCADO

Sobreviver e prosperar é o desafio das empresas

A pandemia da Covid-19 trouxe incertezas e desafios associados às mudanças no comportamento dos clientes, que passaram a consumir mais em plataformas digitais

Para algumas organizações, a sobrevivência a curto prazo é o único item da agenda imediata. E renegociação, a única forma de lidar com a retração econômica. Outras estão atravessando esses momentos de incerteza pensando em como se posicionar depois que a crise passar e as coisas melhorarem. Embora seja muito cedo para saber como tudo evoluirá, será preciso considerar várias tendências que podem moldar os negócios pós-pandemia.

Há a possibilidade de que as decisões tomadas durante a crise levem a menos prosperidade, crescimento mais lento, desigualdade crescente, burocracias governamentais inchadas e fronteiras rígidas. Mas também há a chance de que levem a uma explosão de inovação e produtividade, indústrias mais resilientes, governos mais inteligentes em todos os níveis, e o surgimento de um mundo reconectado. O mais provável é que a recuperação venha de uma mistura desses dois cenários.

Tudo dependerá de quão rápido o mundo encontrará o tratamento (opção mais provável) ou a cura para a Covid-19. A única certeza, nesse momento, é a de que os desafios associados às mudanças nos comportamentos dos clientes e nos modelos de negócios serão maiores do que estamos a acostumados a lidar.

Este é um conteúdo exclusivo para assinantes.

Cadastre-se grátis para ler agora
e acesse 5 conteúdos por mês.

É assinante ou já tem senha? Faça login. Já recebe a newsletter? Ative seu acesso.

O grande desperdício SaaS

Mercado

O grande desperdício SaaS

O software engoliu o mundo, e o SaaS está comendo cada vez mais pedaços da pizza do mundo cloud, especialmente porque basta um cartão de crédito para ativar recursos corporativos extremamente interessantes

A ambição profissional mudou

Mercado

A ambição profissional mudou

Workmonitor 2024 mostra que os trabalhadores valorizam mais o equilíbrio entre vida pessoal e profissional, horários flexíveis e apoio à saúde mental em detrimento das aspirações de carreira.

É hora de ouvir mais e agir rápido para não perder pessoas-chave

Gestão

É hora de ouvir mais e agir rápido para não perder pessoas-chave

Chegou a época do ano de fazer balanço e, de segurar aquelas pessoas que fazem a diferença na empresa. Já ouviu falar de "stay interviews"?

Qualidade de software ganha destaque no Brasil

Transformação Digital

Qualidade de software ganha destaque no Brasil

Hoje, 92% dos executivos de tecnologia consideram que não adotar uma estratégia de qualidade é um alto risco para o negócio. Mas o caminho para conscientizar as empresas ainda é longo

Por Grace Libânio *
O que torna o feedback tão difícil?

Liderança

O que torna o feedback tão difícil?

A dor de descobrir lacunas profundas provoca fortes emoções e aciona gatilhos indesejados. Às vezes, a hesitação em aceitar essas lacunas vem das reservas que temos com a pessoa que as apontou

Temos transformação digital seletiva

Transformação Digital

Temos transformação digital seletiva

Novo índice revela ser esse o retrato da maturidade das organizações na jornada para incorporar tecnologias digitais e criar diferenciais valiosos para seus negócios