s
Crédito: Shutterstock
O SHIFT DA QUESTÃO

Quem ganha com a Economia dos Criadores?

Quantos likes teve seu último post? E como foi o impacto do seu comentário que movimentou amigos e fãs? Agora, imagine que assim como você, há milhões de pessoas postando conteúdos todos os dias. É dessa possibilidade de ganhar visibilidade, de ter uma voz que a Creator Economy tira sua força. Quem entender e abrir novas frentes pode liderar o mercado pós-pandemia.

Por Cristina De Luca, Marina Hortélio, Silvia Bassi e Soraia Yoshida 16/10/2021

Conteúdo

 

Para começar, alguns milhões de pessoas no mundo todo, que utilizam plataformas de produção de vídeo, áudio, newsletters, podcasts, redes sociais e marketplaces, para distribuir suas criações digitais e físicas diretamente para um contingente gigante de espectadores, fãs e consumidores. Em uma definição de amplo espectro, a Creator Economy (em português, Economia dos Criadores) abraça produtores de conteúdo, influencers e pequenos empreendedores, que monetizam suas obras, online, ancorados em plataformas e marketplaces.

Se juntarmos só criadores digitais e influencers, o número mágico é 50 milhões de pessoas, repetido em diferentes pesquisas sobre o tema (você lê mais abaixo os detalhes), que movimentam uma economia estimada em mais de US$ 100 bilhões anuais. Mas só 2 milhões, desse total, realmente ganha dinheiro para se sustentar. O resto corre atrás.

Conteúdo exclusivo para membros da The Shift

Aproveite a promoção e assine

Para onde vai a Impressão 3D?

O Shift da Questão

Para onde vai a Impressão 3D?

Casas instantâneas, peças de reposição por demanda, órgãos humanos artificiais, bife e chocolate? Pelo andar da carruagem, é possível prever que em breve haverá uma impressora 3D (ou um produto dela) no seu caminho. E até fora del...

Por Cristina De Luca, Marina Hortélio, Silvia Bassi e Soraia Yoshida
O 5G chegou. E agora?

O Shift da Questão

O 5G chegou. E agora?

A nova tecnologia deve acelerar o avanço em áreas como logística, telemedicina, produção industrial. Mas chega atrasada. Dá para recuperar o tempo perdido?

Por Cristina De Luca, Marina Hortélio, Silvia Bassi e Soraia Yoshida
Quem ganha com a Economia dos Criadores?

O Shift da Questão

Quem ganha com a Economia dos Criadores?

Quantos likes teve seu último post? E como foi o impacto do seu comentário que movimentou amigos e fãs? Agora, imagine que assim como você, há milhões de pessoas postando conteúdos todos os dias. É dessa possibilidade de ganhar visi...

Por Cristina De Luca, Marina Hortélio, Silvia Bassi e Soraia Yoshida
O que estressa você na internet?

O Shift da Questão

O que estressa você na internet?

"Transtorno de estresse das manchetes" e Fear of Missing Out (FOMO) são dois exemplos das angústias da era digital. O que estressa você na internet, esse lugar em que passamos, atualmente, a média de sete horas por dia?

Por Cristina De Luca, Marina Hortélio e Silvia Bassi
Qual é o legado do 11 de setembro?

O Shift da Questão

Qual é o legado do 11 de setembro?

Vinte anos após o ataque terrorista que destruiu as Torres Gêmeas, uma parte do Pentágono e deixou quase 3 mil mortos, o que mudou na tecnologia e nos negócios?

Por Cristina De Luca, Marina Hortélio e Soraia Yoshida
Para onde vai a nova economia?

O Shift da Questão

Para onde vai a nova economia?

A Economia Espacial é composta por fabricantes de foguetes e satélites, infraestrutura de telecomunicações e internet, pesquisadores de mudanças climáticas, setores de defesa e mais

Por Cristina De Luca, Marina Hortélio, Silvia Bassi e Soraia Yoshida