s
Jose Morales Head de Global Field Operations da Atlassian

ENTREVISTA

Jose Morales: O futuro do trabalho é assíncrono

E aí veio a pandemia e todos tivemos que trabalhar de casa. Mas para muitas das empresas, que sequer cogitavam permitir trabalho remoto em tempos saudáveis, a pandemia teve efeito disruptor imediato.

Por Silvia Bassi 04/04/2020

E aí veio a pandemia e todos tivemos que trabalhar de casa. Mas para muitas das empresas, que sequer cogitavam permitir trabalho remoto em tempos saudáveis, a pandemia teve efeito disruptor imediato: da noite para o dia, ou quase isso, centenas de funcionários conectados tiveram que mimetizar em video calls as práticas do escritório físico, e aí veio o stress pelo excesso de meetings e ligações, e todos estão trabalhando muito mais do que antes.

"Depois que isso acabar, muitas empresas vão ter que lidar com suas percepções de como o trabalho deve ser feito, pois elas vão precisar mudar", diz Jose Morales, Head de Global Field Operations da Atlassian (pronuncia-se Atlas-si-on), a empresa fundada em 2002 por dois jovens australianos, que está por trás das ferramentas de gestão de projetos, programação e colaboração mais conhecidas entre os programadores do mundo todo: Jira, Trello e Bitbucket, entre outras.

A própria Atlassian mudou sua rotina, diz Morales. "Somos por definição uma empresa altamente distribuída mas não necessariamente uma empresa altamente remota". Mas a diferença entre ser remoto e ser distribuído tem um peso enorme na produtividade e é esse ponto que Morales sinaliza nessa entrevista, concedida à The Shift no meio do Summit anual - virtual, obviamente - realizado pela companhia na semana passada.

Conteúdo exclusivo para membros da The Shift

Aproveite a promoção e assine

Para CEO da BossaBox, força de trabalho líquida é tendência no mercado

Entrevista

Para CEO da BossaBox, força de trabalho líquida é tendência no mer...

Escolhido para a lista Under 30 da Forbes, o empreendedor André Abreu revela, em entrevista exclusiva, sua previsão para um futuro do trabalho cada vez mais dinâmico

Por João Ortega
A reinvenção corporativa passa pela ausência de regras

Entrevista

A reinvenção corporativa passa pela ausência de regras

Erin Meyer, coautora do livro "A regra é não ter regras", sobre a cultura da Netflix, conta como ter empresas inovadoras, flexíveis, inclusivas e diversas, jogando fora o livro de regras. Você consegue?

Por Silvia Bassi
“Psicólogo será a profissão do futuro”, prevê CEO da Vittude

Entrevista

“Psicólogo será a profissão do futuro”, prevê CEO da Vittude

Em 2020, a startup viu seus planos corporativos crescerem 800%, apesar de muitas organizações ainda não terem despertado para a importância da educação emocional, segundo Tatiana Pimenta

Por João Ortega
Trabalhadores buscam direcionamento das lideranças

Liderança

Trabalhadores buscam direcionamento das lideranças

A falta de interação com os colegas tem impacto na cultura organizacional, mas não é razão para trazer os trabalhadores de volta ao escritório. Há um caminho a seguir

Por Scott F. Latham e Beth Humberd, The Conversation
Como ser (mais) relevante em 2021?

Carreira

Como ser (mais) relevante em 2021?

Ser resiliente passou a ser uma característica bastante valorizada pelas empresas, mas também é importante ser adaptável e flexível

Por Soraia Yoshida
Reconhecer que a crise continua é chave para ter sucesso em 2021

Entrevista

Reconhecer que a crise continua é chave para ter sucesso em 2021

Marco Tulio Zanini, professor da FGV, afirma que liderança deverá focar em empatia para manter equipes unidas e produtivas, mesmo com as limitações geradas pela pandemia

Por João Ortega