s
INOVAÇÃO

O avanço das empresas incumbentes digitais

São companhias que estão fazendo a transição do reforço dos sistemas de negócios principais para os negócios digitais inovadores

Por Redação The Shift 04/04/2022

Existe uma corrida neste momento entre os players do cenário digital. Na ponta estão os hiperescaladores, seguidos pelos nativos. Os incumbentes legados aparecem lá atrás. Mas à frente deles e tentando disputar com os nativos digitais estão os incumbentes digitais, empresas tradicionais que adotaram características de hiperscaladores e nativas digitais. Essas companhias estão fazendo a transição do reforço dos sistemas de negócios principais para a inovação, de acordo com o recente relatório “The Rise of the Digital Incumbent”, do Boston Consulting Group (BCG).

Esses negócios tradicionais que executaram com sucesso sua transformação digital e estão avançando na construção sistemática de capacidades digitais. Adidas, Diageo, John Deere, KLM, L’Oréal fazem parte do grupo que percebeu a necessidade de desenvolver e construir recursos para seu crescimento a partir da inovação disruptiva.

O estudo aponta que apenas cerca de “30% das empresas no índice S&P Global 1200 estão se transformando com sucesso em empresas digitais”, deixando a maioria das empresas legadas para trás. O que difere as incumbentes digitais das versões legadas, além do investimento em plataformas digitais, é que elas se valem de suas habilidades para construir resiliência e alcançar aquilo que a consultoria define como “capacidade biônica” – o ponto em que as capacidades humanas e tecnológicas se combinam para funcionar em um nível que nenhum deles pode alcançar de forma independente. Isso requer uma base sólida de proficiência digital, ou seja, não apenas sistemas, mas colaboradores com habilidades digitais e de dados. Essa combinação criará empresas de alto desempenho.

Este é um conteúdo exclusivo para assinantes.

Cadastre-se grátis para ler agora
e acesse 5 conteúdos por mês.

É assinante ou já tem senha? Faça login. Já recebe a newsletter? Ative seu acesso.

Um planeta sob nova direção

Tendências

Um planeta sob nova direção

Homem e natureza são parte do mesmo sistema interconectado. Se um destrói o outro, sucumbirá em seguida. Com esta certeza, universidades, ONGs e empresas privadas estão se unindo para criar centros de conhecimento de Desenvolvimento Reg...

Um

Tendências

Um "canvas donut" para negócios

Uma economia regenerativa, distributiva e próspera, na qual as necessidades humanas básicas e os recursos do planeta são equilibrados para garantir o bem-estar coletivo e planetário. Parece uma proposta razoável? É a Economia Donut, c...

Consumidores em 2023: cautelosos e ecoeconômicos

Tendências

Consumidores em 2023: cautelosos e ecoeconômicos

Pesquisa realizada pela consultoria de inteligência de negócios global Euromonitor International mapeou as 10 Principais Tendências Globais de Consumo em 100 países

IA e a construção da estratégia

Inteligência Artificial

IA e a construção da estratégia

A IA estratégica é uma ferramenta que pode simplificar a vida dos executivos. Um meio de acelerar o impacto, lidar com disrupções e desbloquear novas oportunidades de mercado. Mas ela deve servir ao negócio e não o contrário.

A erupção dos

Tendências

A erupção dos "colarinhos verdes"

As empresas que, no ano passado, sofreram uma fuga de talentos poderão ter dificuldades se quiserem contratar uma nova leva de profissionais. É que os green jobs estão absorvendo esta mão-de-obra, ao mesmo tempo em que a qualifica.

Identidade digital descentralizada, o passaporte para a Web3

Tendências

Identidade digital descentralizada, o passaporte para a Web3

Entre suas muitas finalidades, sistema permite aos usuários gerenciar suas identidades online de forma mais segura e eficiente, sem depender de uma autoridade central