s
Deborah Folloni, CEO e fundadora da Chiligum Crédito: Divulgação
ENTREVISTA

Criatividade acelerada

O desejo de Deborah Folloni sempre foi liberar o potencial da automação para aumentar a eficiência da publicidade digital e criar novas formas de expressão. Por isso fundou a adtech Chiligum

Por João Ortega 14/08/2020

A paulistana Deborah Folloni abandonou um curso de graduação em Londres para empreender no mercado publicitário brasileiro em 2015. “Sempre fui tomadora de riscos”, revela a CEO e fundadora da startup Chiligum.

Hoje, com apenas 27 anos de idade, comanda a empresa, líder em automação criativa no país. A adtech já criou mais de 6,5 milhões de peças publicitárias para dezenas de clientes de médio e grande porte, como iFood, Rappi e Magazine Luiza - o primeiro usuário de sua plataforma. “Chegamos a produzir mais de 300 mil peças em um único dia”, diz.

Sua plataforma aumenta em até 13 vezes a produtividade das equipes de criação e marketing. Também reduz o custo de produção em até 80%. E vem sendo muito procurada agora, na pandemia, diante do aumento considerável do uso de canais digitais, que tem obrigado empresas de diversos segmentos a produzir um grande volume de peças para a publicidade digital, de forma escalável.

Este é um conteúdo exclusivo para assinantes.

Cadastre-se grátis para ler agora
e acesse 5 conteúdos por mês.

É assinante ou já tem senha? Faça login. Já recebe a newsletter? Ative seu acesso.

Chega de embromação:

Entrevista

Chega de embromação: "temos que colocar dinheiro nas mãos das mulhe...

Para a CEO da socialtech B2Mamy, Dani Junco, só o dinheiro liberta. Por isso, as startups e as iniciativas de apoio ao empreendedorismo feminino devem receber mais cheques.

Inteligência Artificial

"Temos o dever de nos preocupar"

Em entrevista à The Shift, Reggie Townsend, diretor da prática de ética em dados do SAS, fala sobre o imperativo da ética para a IA e sobre ter um "viés positivo" nas aplicações de impacto.

Habilidades socioemocionais preparam as empresas para o futuro

Entrevista

Habilidades socioemocionais preparam as empresas para o futuro

Filip De Fruyt, Professor da Universidade de Ghent, na Bélgica e membro do conselho científico do eduLab 21, do Instituto Ayrton Senna, explica, em entrevista exclusiva à THE SHIFT, que perfis profissionais estão mais aptos a enfrentar...

Jeeves, um unicórnio latino-americano que ruge

Entrevista

Jeeves, um unicórnio latino-americano que ruge

Em menos de 18 meses, a Jeeves captou US$ 368 milhões, tem mais de 3 mil clientes e atua em 24 países. Chega ao Brasil para apoiar startups com crédito sem burocracia

O futuro através da cidadania climática

Entrevista

O futuro através da cidadania climática

Paulo Moutinho, cofundador do Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia - organização não governamental com 30 anos de atividade na Amazônia e no Cerrado - defende que o protagonismo do Brasil na solução climática mundial ocorra a...

Pete Flint:

Entrevista

Pete Flint: "Leve sua empresa para as corredeiras"

Para o investidor de risco Pete Flint, general manager da NFX, as empresas tradicionais e startups precisam seguir os trechos de água rápida do mercado, porque lá estão as tendências de futuro