s
Foto: Miguel A. Amutio - Unsplash

TENDÊNCIAS

Como pensar como um futurista?

Comece a se concentrar no agora. Futuristas trafegam por uma estrada multidisciplinar que combina olhar atento para os sinais do presente, ciência, informação, dados e novos modelos mentais.

Por Silvia Bassi 30/01/2021

Jogue fora a bola de cristal, o baralho de Tarot, as moedinhas de I Ching e as previsões de Nostradamus e trate de se concentrar no agora. Futuristas começam pelo presente para desenhar futuros possíveis, e fazem questão absoluta de dizer que não fazem previsões, fazem projeções. Usam a sabedoria que o escritor William Gibson resumiu muito bem em uma frase: "o futuro já está aqui, só não está distribuído uniformemente" .

Vou pedir licença para fazer uma analogia "fora da casinha" para explicar, mas pense que futuristas são como esponjas: absorvem todos os sinais ao seu redor, fazem um monte de perguntas, usam dados, notícias, informações, ciências exatas, ciências humanas, modelos de análise para filtrar os ruídos e depois aplicam muita imaginação e criatividade para tirar desse caldo cenários de futuro.

"Não somos ninjas", escreve Amy Webb, futurista quantitativa, fundadora do Future Today Institute (FTI), que usualmente aparece no topo dos rankings da categoria. Futuristas fazem projeções e não são profetas, diz Amy, explicando que o foco do seu trabalho é "criar um estado de prontidão para determinar ações estratégicas, para auxiliar na tomada de decisões, para construir planos de longo prazo ou simplesmente para imaginar estados futuros alternativos".

Conteúdo exclusivo para membros da The Shift

Aproveite a promoção e assine

Como ESG se tornou uma prioridade para investidores

Tendências

Como ESG se tornou uma prioridade para investidores

Desempenho e volume de investimentos em fundos de sustentabilidade cresce no mundo

Por João Ortega
A sustentabilidade chegou para ficar!

Tendências

A sustentabilidade chegou para ficar!

A missão de Ed Morata, da ForFuturing, é ajudar as empresas a enxergar quão profundamente seus negócios estão entrelaçados com questões ambientais, sociais e de governança (ESG)

Por Cristina De Luca
ESG: e como ficam os outros stakeholders?

Diversidade

ESG: e como ficam os outros stakeholders?

Todos os movimentos da empresa vão impactar, positiva ou negativamente, no entorno e em todas as pessoas com quem a empresa tem contato

Por Soraia Yoshida
Sua empresa precisa de um diretor de Inteligência Artificial?

Inteligência Artificial

Sua empresa precisa de um diretor de Inteligência Artificial?

A função de CAIO começa a ganhar relevância, assim como aconteceu com as dos CDOs, CAOs e CDAOs. Mas há realmente a necessidade dessas funções no alto escalão executivo?

Por Cristina De Luca
A identidade digital e a biometria prometem acabar com a tirania das senhas

Tendências

A identidade digital e a biometria prometem acabar com a tirania das s...

A Identidade Digital está totalmente estabelecida como uma das tendências tecnológicas mais importantes do mundo, aliada a métodos de autenticação forte como a biometria comportamental

Por Cristina De Luca
Millennials e geração Z querem construir “novo normal” melhor

Tendências

Millennials e geração Z querem construir “novo normal” melhor

Jovens das gerações Y e Z se mostraram resilientes e participam ou querem estar envolvidas nas mudanças positivas em suas comunidades e no mundo

Por Soraia Yoshida