s
Business strategy for marketing and management. Stacked blue blocks, reports and laptop.
TENDÊNCIAS

Assim nasce uma mediatech

Globo investe em soluções proprietárias de métricas, modelos estatísticos e performance para otimizar a publicidade multiplataforma

O uso de Machine Learning para prever resultados das campanhas publicitárias esteve entre as principais tendências de marketing digital discutidas no "2022 MIT Chief Marketing Officer Summit", promovido pela Management Sloan School. Atualizar a segmentação dos clientes por meio do uso de IA e aprendizado de máquina permite prever resultados com mais rapidez e precisão. Desde 2019, por exemplo, clientes da Rede Globo contam com soluções proprietárias de métricas, modelos estatísticos e performance para otimização de campanhas multiplataforma.

Uma dessas soluções se propõe a resolver o desafio de compreender o impacto das campanhas de comunicação no ponto de venda físico, anseio dos anunciantes, principalmente do universo do varejo. Batizada de "Modelo de Atribuição para PDV", a solução permite atribuir as vendas físicas à estratégia de mídia, identificando a relação entre conversão, ou qualquer outro desafio de mídia no ponto de venda e ações de comunicação realizadas nos canais e plataformas da Globo.

"Além de nos permitir enxergar o resultado que conseguimos gerar no ponto físico, para a marca anunciante é também a oportunidade de entender o caminho percorrido pelo consumidor, desde que foi impactado pelo primeiro anúncio veiculado na TV até a efetivação da compra na loja", explica Camylla Fioravante (foto), gerente sênior de Performance e Dados da emissora.

Este é um conteúdo exclusivo para assinantes.

Cadastre-se grátis e tenha acesso a 5 conteúdos por mês.

É assinante ou já tem senha? Faça login. Já recebe a newsletter? Ative seu acesso.

Com 5G jamais veremos TV aberta como antes

Tendências

Com 5G jamais veremos TV aberta como antes

O 5G Broadcast derrubará as barreiras entre a banda larga e a radiodifusão, destravará a criatividade e viabilizará novos modelos de negócio, afirma Raymundo Barros, executivo da Rede Globo

Compartilhar dados é bom para os negócios

Inovação

Compartilhar dados é bom para os negócios

Mesmo quando evidências apontam que todo mundo que participar pode sair ganhando, a mentalidade de data sharing ainda está emperrando na questão da confiança

Por Redação The Shift
A IA ajuda a definir o produto certo, pelo preço certo

Inteligência Artificial

A IA ajuda a definir o produto certo, pelo preço certo

Modelo data-driven e algoritmos criados pelo marketing da Mercedes-Benz Caminhões no Brasil deram tão certo que serão exportados para outros mercados com características semelhantes

Por Cristina De Luca
A análise de dados em tempo real é vital hoje

Inteligência Artificial

A análise de dados em tempo real é vital hoje

Seus benefícios comerciais, independentemente do setor, continuarão a impulsionar a adoção

Chegou a hora de quebrar o velho molde da estratégia

Entrevista

Chegou a hora de quebrar o velho molde da estratégia

E aliar as ciências do comportamento (antropologia, psicologia, semiótica) à ciência de dados para interpretar os sinais que levarão à inovação, diz Cintia Gonçalves, fundadora da Wiz&Watcher

Governança de dados é o primeiro passo para uma cultura data-driven

Tendências

Governança de dados é o primeiro passo para uma cultura data-driven

A governança de dados deve estar no topo da agenda de qualquer C-level, mas na maioria das vezes não está. Como mudar essa realidade?

Por Cristina De Luca