s

INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

Além da mobilidade: veículos autônomos de logística estão em alta

Nuro, startup de veículos autônomos para delivery, levanta aporte de US$ 500 milhões e aponta para o crescente potencial do setor

Por Redação The Shift 11/11/2020

É um momento positivo para o mercado de veículos autônomos sob a ótica dos investidores. Somente nas últimas semanas, três startups que desenvolvem algoritmos de IA para direção autônoma receberam aportes multimilionários: 

Analisando estes três movimentos no mercado, nota-se que o impacto da Inteligência Artificial no transporte vai além do trânsito de pessoas. A logística, especialmente em relação ao last mile, será bastante impactada pelos sistemas autônomos no futuro próximo. Além da Nuro, outras startups como Starship Technologies, Kiwibots, Udelv e Xiaomanlv (da Alibaba) também desenvolvem soluções de autonomia para a etapa final das entregas.

Um estudo da McKinsey de 2016 previa que, até 2025, cerca de 80% de todas as entregas realizadas em centros urbanos seriam feitas por veículos autônomos. Ainda que esta tendência tenha sido acelerada pela pandemia e a alta da economia low-touch, o prazo parece curto. Mas estamos caminhando neste sentido. 

Conteúdo exclusivo para membros da The Shift

Aproveite a Cyber Week e assine

Ampliando a visão computacional para carros autônomos

Inteligência Artificial

Ampliando a visão computacional para carros autônomos

A tecnologia que pode impulsionar de vez o setor dos carros driverless precisa enxergar, literalmente, os objetos que estão escondidos atrás da esquina

Por Redação The Shift
Aviação autônoma: tecnologia chega ao espaço aéreo

Tendências

Aviação autônoma: tecnologia chega ao espaço aéreo

Segundo levantamento da firma Ansys, 70% das pessoas acreditam que estarão em um voo autônomo ao longo da vida, e 58% o fariam ainda nesta década

Por Redação The Shift
Drones, robôs e low-touch nos planos de investimento

Inovação

Drones, robôs e low-touch nos planos de investimento

Projeção aponta que o mercado chegará a mais de US$ 43 bilhões até 2024, o triplo do tamanho em 2018. A razão? Mais de um terço das empresas considera os drones como um elemento do negócio

Por Redação The Shift