s
Crédito: Pexels/Pixabay

TENDÊNCIAS

A explosão de crescimento do 5G

A quinta geração de redes móveis é a de crescimento mais rápido: projeções apontam que o 5G contribuirá com mais de US$ 13 trilhões para a produção mundial até 2035

Por Redação The Shift 25/04/2020

A quinta geração de redes móveis deve ter um impacto ainda maior na economia global do que suas antecessoras, contribuindo para geração de mais de US$ 13 trilhões em todo o mundo até 2035. Segundo as previsões de especialistas, a China é quem deve ganhar mais com essa onda, enquanto o setor de produção é o que mais vai se beneficiar, já que as operadoras poderão ampliar sua produção para criar novos e lucrativos negócios.

A expectativa é que 22,3 milhões de empregos serão gerados pela cadeia de valor do 5G. Até 2035, essa tecnologia será responsável por gerar, por exemplo, 10,9 milhões de empregos na China, 2,8 milhões nos Estados Unidos e 2,3 milhões no Japão. As vendas provenientes de vários setores devido à implantação do 5G vão crescer 10,7% em informação e comunicação, mas a agricultura e a pesca vão aumentar 5,3%, a manufatura cerca de 5,4% e os serviços públicos, 6,3%.

O infográfico da Raconteur aponta os impactos da chegada do 5G.

Conteúdo exclusivo para membros da The Shift

Experimente grátis por 30 dias

Guia para Economia Digital: 6 Ds da Disrupção Tecnológica

Economia Digital

Guia para Economia Digital: 6 Ds da Disrupção Tecnológica

Partindo do conceito de Peter Diamandis, as empresas podem planejar em que ponto seus negócios vão passar pela ruptura e avançar em novas direções

Por Vanessa Bates Ramirez, Singularity Hub
Sua empresa sabe falar a linguagem dos dados?

Transformação Digital

Sua empresa sabe falar a linguagem dos dados?

As empresas precisam investir em alfabetização de dados e exercitar suas habilidades a partir da análise que fazem dos dados

Por Cristina De Luca
10 futuros possíveis depois da pandemia

Inovação

10 futuros possíveis depois da pandemia

A disrupção causada pelo novo coronavírus abriu um abismo de incertezas para empresas, que consultorias e futuristas estão tentado preencher

Por Redação The Shift