s

The Shift #90
Sem intermediários

A pandemia acelerou a tendência direct-to-consumer, abordagem das indústrias para aumentar o engajamento com os consumidores e fornecer melhores experiências. Juliana Antunes, da Robinson Crusoe e o Marcelo Moraes, da Softys, apontam os prós e os contras dessa estratégia.

CONVIDADOS

  • Juliana Antunes

    Gerente de marketing da Robinson Crusoe
    Com mais de 16 anos de experiência, Juliana trabalhou anteriormente como Gerente de Produtos na Emulzint Zeelandia, e por dois anos como gerente de Marketing e Produtos na Quatá Alimentos. Teve passagens ainda pela Fini e pela Norac Foods.

  • Marcelo Moraes

    Diretor de Vendas e Novos Negócios da Softys
    Responsável por quase dez anos pela divisão Consumo, Marketing/Trade, Vendas das linhas de papel higiênico, papel toalha, guardanapos, lenços infantis, fraldas descartáveis adulto e infantil, toucador infantil. Trabalhou anteriormente na Hypermarcas, Kimberly-Clark e Coty.

INSIGHTS

Ouça também