s
Crédito: Pixabay
FINTECHS

Toda empresa será uma fintech?

Produtos financeiros desenvolvidos por companhias para um nicho específico são melhores do que aqueles criados por bancos para atender à demanda mais ampla do mercado geral

O Brasil emplacou seis startups na lista das 250 principais fintechs do mundo em 2020, de acordo com o CB Insights: Creditas, EBANX, Gorilla Invest, Nubank, Xerpa e Quinto Andar. Entre estas empresas, é a última quem chama mais atenção.

O Quinto Andar nasceu em 2013 como uma startup do mercado imobiliário, ou seja, uma construtech, retech ou proptech. Rótulos “tech” à parte, desde o ano passado a empresa entrou de vez no universo dos serviços financeiros ao financiar a reforma de imóveis disponíveis na plataforma digital. Mais recentemente, a startup lançou uma linha de crédito para auxiliar corretores e imobiliárias parceiros.

É uma estratégia de mão dupla. Por um lado, o crédito em si é um produto financeiro rentável e viável para uma startup que levantou US$ 335 milhões em investimento. Por outro, financiar proprietários e corretores parceiros fortalece o ecossistema da plataforma como um todo. O produto final, que é o imóvel, fica mais valorizado.

Conteúdo exclusivo para membros da The Shift

Aproveite a promoção e assine

Quando o bootstrapping vale a pena

Startups

Quando o bootstrapping vale a pena

Crescer a empresa com capital próprio é arriscado, mas dá mais liberdade para os fundadores e mantém o Equity intacto.

Por Marina Hortélio
A Black Friday é a hora de colher os frutos das estratégias de IA

Inteligência Artificial

A Black Friday é a hora de colher os frutos das estratégias de IA

A inteligência artificial ajuda a oferecer uma melhor experiência para o consumidor por permitir que a marca conheça a fundo o cliente. Assim, as empresas se destacam da concorrência na Black Friday.

Por Marina Hortélio
Tendência do consumo híbrido exige estratégia omnichannel

Tendências

Tendência do consumo híbrido exige estratégia omnichannel

Pesquisa do PayPal aponta que as compras online vão continuar relevantes após a pandemia, por isso, as marcas precisam adotar uma estratégia multicanal

Por Marina Hortélio
No will bank, a meta é mudar a relação entre pessoas e bancos

Entrevista

No will bank, a meta é mudar a relação entre pessoas e bancos

O banco digital quer que o mundo das finanças deixe de ser um bicho de sete cabeças ao resolver os problemas de quem tem conta e também dos desbancarizados

Por Marina Hortélio
M&A: as startups vão às compras

Inovação

M&A: as startups vão às compras

No primeiro semestre de 2021, as startups ultrapassaram as empresas tradicionais na quantidade de fusões e aquisições de startups pela primeira vez

Por Marina Hortélio
Deu match: Chief as a Service conecta startups com executivos de alto nível

Liderança

Deu match: Chief as a Service conecta startups com executivos de alto...

A ideia é permitir que startups contem com o apoio de um C-level por algumas horas semanais para resolver uma dor da empresa

Por Marina Hortélio