s
Carolina Terra, pesquisadora da USP e consultora em comunicação digital

ENTREVISTA

Toda empresa pode ser uma influenciadora digital

Carolina Terra, pesquisadora da USP e consultora em mídias sociais, expõe as tendências do marketing de influência

Por João Ortega 19/03/2021

As mais de duas décadas de carreira de Carolina Terra foram divididas ao meio. De um lado, observação, leitura e as temidas bancas avaliadoras da vida acadêmica. Do outro, engajamento, alcance e outras métricas do mercado da comunicação digital. A consultora em mídias sociais, no entanto, sempre fez questão de criar pontes entre os mundos distintos. 

“Academia e mercado têm que andar de mãos dadas”, avalia a pesquisadora em entrevista exclusiva à The Shift. Sua tese de pós-doutorado realizada na USP - onde Carolina é professora, assim como na Faculdade Cásper Líbero, em São Paulo - apresenta uma metodologia prática para que marcas se tornem influenciadoras digitais. O trabalho finalizado em 2020 virou o livro Marcas influenciadoras digitais: como transformar organizações em produtoras de conteúdos digitais, lançado no início deste ano.

“O tema da influência digital é uma necessidade do mercado e um assunto na mídia ao mesmo tempo em que, como campo de pesquisa, está em alta na academia”, explica Carolina Terra sobre o surpreendente sucesso de vendas do livro em meio à Covid-19. “Durante a pandemia, as organizações perceberam que têm um papel que vai além de prestar bons serviços e vender bons produtos. Têm papéis sociais, precisam abraçar uma causa”, analisa. 

Conteúdo exclusivo para membros da The Shift

Aproveite a promoção e assine

Pandemia aquece mercado de influenciadores digitais

Tendências

Pandemia aquece mercado de influenciadores digitais

O mercado global de influenciadores digitais movimentou US$ 8 bilhões no ano passado, número que deve aumentar para US$ 15 bilhões em 2022. No Instagram, são quase 550 mil influenciadores digitais pagos

Por Redação The Shift
Clubhouse: rede social do futuro ou app da moda na pandemia?

Tendências

Clubhouse: rede social do futuro ou app da moda na pandemia?

Em pouco mais de um ano, plataforma de conversas por áudio chegou a 6 milhões de usuários e pode alcançar valuation de US$ 1 bilhão

Por Redação The Shift
Os riscos da crescente fusão entre e-commerce e redes sociais

Economia Digital

Os riscos da crescente fusão entre e-commerce e redes sociais

Ferramenta do Instagram que permite comprar direto do Reels gera debate sobre privacidade e vulnerabilidade do consumidor

Por Redação The Shift