s
Escritório da Airbnb em San Francisco, na Califórnia Crédito: Reprodução/Facebook

ECONOMIA

Startups aquecem o mercado de ações

Em tempos de crise econômica global, é ainda mais importante ponderar se o anseio pela abertura de capital das empresas tech condiz com a estabilidade financeira do mercado

A pandemia da Covid-19 desacelerou o ritmo de ofertas públicas iniciais (IPOs) nos EUA, especialmente no setor de tecnologia. Empresas levantaram US$ 10 bilhões com novos papéis em bolsa de valores entre janeiro e agosto deste ano com grande participação de biotechs. No entanto, o segundo semestre será bem mais movimentado em Wall Street.

Diversas startups já se prepararam para abrir o capital até o fim de 2020. São os casos de Airbnb, Snowflake Computing, DoorDash e Instacart. Juntas, as empresas estão avaliadas em mais de US$ 60 bilhões. A última semana de agosto foi marcada por uma série de pedidos por IPO nos EUA diante do otimismo do mercado norte-americano e as altas valuations no setor de tecnologia. Na lista estão a Asana, a Palantir, a Amwell, e a Unity, entre outras.

Em tempos de crise econômica global, é ainda mais importante ponderar se o anseio pela abertura de capital das empresas tech condiz com a estabilidade financeira do mercado - para além das especulações de Wall Street - e com a capacidade das startups entregarem resultado. Os casos recentes da Uber e Lyft ligam o alerta neste sentido.

Conteúdo exclusivo para membros da The Shift

Aproveite a promoção e assine

Quanto o mundo perde com a falta de conexão para mulheres?

Economia

Quanto o mundo perde com a falta de conexão para mulheres?

A conectividade também esbarra em questões de gênero e impacta desenvolvimento, educação e empregos

Por Soraia Yoshida
A tecnologia que faz surdos e ouvintes se entenderem

Inteligência Artificial

A tecnologia que faz surdos e ouvintes se entenderem

Com o uso de Inteligência Artificial, a startup alagoana Hand Talk traduz português e inglês em línguas de sinais. O propósito é reduzir as barreiras de comunicação entre surdos e ouvintes, como conta o CEO Ronaldo Tenório

Por Marina Hortélio
Lawtechs e legaltechs: a mudança da Justiça brasileira

Inovação

Lawtechs e legaltechs: a mudança da Justiça brasileira

Com tecnologia, as startups jurídicas ajudam a criar uma Justiça mais eficaz, transparente e acessível

Por Marina Hortélio
Brasil estagna no ranking de competitividade digital

Segurança

Brasil estagna no ranking de competitividade digital

O país se manteve na posição 51 no IMD World Digital Competitiveness Ranking 2021, que mede indicadores de conhecimento, tecnologia e prontidão futura.

Por Marina Hortélio
Digitalização atrai investimentos para América Latina

Inovação

Digitalização atrai investimentos para América Latina

Com recordes de investimento e surgimento de unicórnios, região está vivenciando os efeitos da segunda e terceira ordens da digitalização

Por Marina Hortélio
Startups de IoT solucionam velhos e novos problemas brasileiros

Internet das Coisas

Startups de IoT solucionam velhos e novos problemas brasileiros

O país possui um fundo de venture capital especializado em IoT e conectividade, mas investimento público ainda é importante

Por Marina Hortélio