s
Ricardo Leite Country manager da BlaBlaCar no Brasil

ENTREVISTA

O roadmap da BlaBlaCar

Falar do sucesso de um aplicativo de mobilidade baseado em caronas, em tempos pandêmicos nos quais o distanciamento social é regra, pode parecer uma temeridade. Exceto quando se trata do unicórnio francês BlaBlaCar

Por Silvia Bassi 29/05/2020

Falar do sucesso de um aplicativo de mobilidade baseado em caronas, em tempos pandêmicos nos quais o distanciamento social é regra, pode parecer uma temeridade. Exceto quando se trata do unicórnio francês BlaBlaCar, a maior plataforma global de caronas de longa distância do mundo, com 89 milhões de usuários, atendendo 22 países, inclusive o Brasil.

Com dinheiro em caixa para encarar a pandemia, a startup criada em 2006 por Frédéric Mazzella, teve seu valor de mercado elevado para US$ 1,82 bilhão por conta de um novo investimento do grupo de venture capital Vostok New Ventures em fevereiro, e pelo salto de 71% na sua receita em 2019. Resultado de um movimento calculado desde 2018, quando começou a costurar seus planos de tornar-se uma plataforma multimodal de transporte terrestre acoplando venda de passagens de ônibus à sua rede de caronas via carro.

"Nós temos cinco valores internos e um deles é seja frugal e vá longe", explica o country manager da BlaBlaCar no Brasil, Ricardo Leite, que está há cinco anos tocando a operação no país. Na entrevista à The Shift, Ricardo explicou as medidas de segurança que o app adotou para continuar oferecendo viagens para quem não podia ficar sem viajar mesmo na pandemia. O lado econômico da plataforma impacta condutor e caronas. "O motorista economiza até 75% dos custos da viagem, e o passageiro gasta entre 30% a 50% menos que uma passagem de ônibus", diz Ricardo.

Conteúdo exclusivo para membros da The Shift

Experimente grátis por 30 dias

CEO do Gympass prevê futuro híbrido digital e offline para o bem-estar

Entrevista

CEO do Gympass prevê futuro híbrido digital e offline para o bem-est...

Priscila Siqueira lidera o “unicórnio das academias” no Brasil e revela, em entrevista exclusiva, como a startup pivotou para uma plataforma digital durante a pandemia

Por João Ortega
Futebol brasileiro gera oportunidades para ecossistema de inovação

Entrevista

Futebol brasileiro gera oportunidades para ecossistema de inovação

Em entrevista exclusiva, Eduardo Dias, CEO da Footure, afirma que profissionais de fora da indústria serão responsáveis por levar tecnologia e inovação ao esporte

Por João Ortega
Economia circular vem para repensar modelos de negócios

Entrevista

Economia circular vem para repensar modelos de negócios

Eleito pelo Fórum Econômico Mundial como Empreendedor Social de 2020, Guilherme Brammer sugere aplicar a ótica da eficiência e da sustentabilidade ao consumo

Por João Ortega
Miguel Nicolelis coloca o cérebro humano no centro do universo

Entrevista

Miguel Nicolelis coloca o cérebro humano no centro do universo

Em entrevista exclusiva, o mais renomado neurocientista brasileiro revela detalhes de seu mais novo livro, critica a hype sobre a Inteligência Artificial e aponta caminhos para a comunidade científica

Por João Ortega
15 podcasts da The Shift que você precisa ouvir

Inteligência Artificial

15 podcasts da The Shift que você precisa ouvir

Big data, Inteligência Artificial, o futuro do trabalho, softs skills, experiência do consumidor, economia contactless e tudo o que é fundamental entender sobre transformação digital na voz de quem faz isso todos os dias

Por Redação The Shift
Hila Roth: Waze e a inteligência coletiva exponencial

Entrevista

Hila Roth: Waze e a inteligência coletiva exponencial

Com sete anos de Waze, e seis dedicados a ser Head de Comunidades, Hila Roth tem uma equipe de 50 pessoas focada em manter esse relacionamento como uma via de mão dupla, em um modelo que se apoia especialmente em transparência

Por Silvia Bassi e João Ortega