s
Os CubSats são uma categoria de nanossatélites NASA
INTERNET DAS COISAS

Mais baratos, os nanossatélites levam mais tecnologia para o espaço

O uso dos equipamentos pode trazer melhorias nas aplicações de IoT e até apoiar as estratégias de defesa das nações

Por Marina Hortélio 21/08/2021

Uma economia espacial compartilhada pode tornar os dados de sensores remotos muito mais acessíveis, rápidos e baratos, além de levar a comunicação de banda larga universal de baixo custo para áreas remotas. Para isso é preciso democratizar o acesso ao espaço e os nanossatélites fazem parte desse esforço.

Comparativamente, os nanossatélites têm o tamanho de uma caixa de sapatos, pesando entre 1 e 10 kg. Além disso, esses modelos podem ser montados em produção em massa por usarem padrões comuns e peças prontas. Tudo isso abaixa os custos de desenvolvimento desses equipamentos, aumentando o acesso a essa tecnologia.

“O uso de componentes definidos por software, que podem ser atualizados com novos recursos e novas técnicas para o desenvolvimento mais rápido de sensores personalizados, reduz ainda mais o custo e o tempo necessários para fornecer novos serviços baseados no espaço. A crescente inteligência dos satélites e a largura de banda de comunicação entre eles permitirá que operem como enxames autônomos, alocando o trabalho de monitoramento ou retransmissão de sinal para o satélite mais eficiente”, escreve Carsten Stöcker, membro do Blockchain Global Future Council, do Fórum Econômico Mundial, em uma artigo no site da organização.

Este é um conteúdo exclusivo para assinantes.

Cadastre-se grátis para ler agora
e acesse 5 conteúdos por mês.

É assinante ou já tem senha? Faça login. Já recebe a newsletter? Ative seu acesso.

PMEs e startups: parceria incrementa digitalização

Inovação

PMEs e startups: parceria incrementa digitalização

Com mais maturidade digital, as pequenas e médias empresas brasileiras podem beneficiar ainda mais a economia. As startups trazem as soluções para apoiar a digitalização

Bancos devem inovar mais para continuarem competitivos

Tendências

Bancos devem inovar mais para continuarem competitivos

Principalmente explorar oportunidades para aumentar os recursos de pagamentos por meio de DLTs, CDBCs, tokenização e outras soluções

Liberdade para quem?

Economia

Liberdade para quem?

Elon Musk pagou US$ 44 bilhões pelo Twitter, mas seus problemas são muito maiores de que só encontrar um jeito de fazer o upside financeiro da rede social

2023, o ano do Defi 3.0?

Tendências

2023, o ano do Defi 3.0?

Projetos FaaS (Farming as a Service) pedem passagem no universo das finanças descentralizadas

Só faltou mesmo combinar com os chineses

Economia

Só faltou mesmo combinar com os chineses

O presidente dos EUA, Joe Biden, restringiu ainda mais as regras de exportação de semicondutores dos EUA para a China. A medida pode respingar em Taiwan

Generative Tech, o novo Eldorado 

Inteligência Artificial

Generative Tech, o novo Eldorado 

A nova queridinha do Vale do Silício está varrendo os recursos dos Venture Capitalists e se desenvolvendo numa velocidade não prevista pelos analistas. Prepare-se para encarar uma tecnologia que nos levará muito além da IA generativa n...