s
Filip De Fruyt é especialista em construir e validar instrumentos psicométricos que avaliam a capacidade e personalidade de um indivíduo
ENTREVISTA

Habilidades socioemocionais preparam as empresas para o futuro

Filip De Fruyt, Professor da Universidade de Ghent, na Bélgica e membro do conselho científico do eduLab 21, do Instituto Ayrton Senna, explica, em entrevista exclusiva à THE SHIFT, que perfis profissionais estão mais aptos a enfrentar os desafios da disrupção digital

Por Rosane Serro 24/10/2022

Há algum tempo, as organizações se deram conta que as habilidades socioemocionais são críticas tanto no processo de contratação de profissionais quanto para sua retenção. Filip De Fruyt, Professor Titular Sênior de Psicologia Diferencial e da Personalidade na Universidade de Ghent, na Bélgica e membro do conselho científico do eduLab 21 , do Instituto Ayrton Senna, é um especialista em construir e validar instrumentos psicométricos que avaliam a capacidade e personalidade de um indivíduo. Há décadas, ele pesquisa competências socioemocionais e suas aplicações no desenvolvimento pessoal e profissional.

Nesta entrevista exclusiva à THE SHIFT, ele detalha como o estudo da taxonomia das habilidades pode nos ajudar a enfrentar os desafios colocados pela disrupção digital no ambiente corporativo.

THE SHIFT - O que o levou a investigar modelos psicométricos e diferentes tipos psicológicos?

Este é um conteúdo exclusivo para assinantes.

Cadastre-se grátis para ler agora
e acesse 5 conteúdos por mês.

É assinante ou já tem senha? Faça login. Já recebe a newsletter? Ative seu acesso.

Prioridades para os CDAOs

Carreira

Prioridades para os CDAOs

Chief Data and Analytics Officers precisarão se reinventar rapidamente como impulsionadores da inovação empresarial, e reformular totalmente suas estratégias de dados e análise.

O job crafting ganha protagonismo

Carreira

O job crafting ganha protagonismo

Sua prática oferece aos profissionais a oportunidade de remodelar suas funções e interações de acordo com suas habilidades, interesses, paixões e valores pessoais.

Desistir também é importante

Carreira

Desistir também é importante

Em um mundo que defende o trabalho árduo e a perseverança como chaves do sucesso, abandonar algo é difícil. Mas a desistência informada é parte importante do jogo, explica Annie Duke

O poder da intenção, na agenda

Entrevista

O poder da intenção, na agenda

Conversamos com o autor do livro Timeboxing, que esteve no Brasil esta semana, para entender melhor o método de administração pessoal.

Fuja do paradoxo da performance

Carreira

Fuja do paradoxo da performance

Cuidado. Você pode estar se sabotando procurando não errar, perseguindo metas limitantes, inatingíveis sem um grande esforço, e acabar sem energia para o que realmente importa

As expedições da Darwin pelos trópicos digitais

Entrevista

As expedições da Darwin pelos trópicos digitais

Como o naturalista que inspirou o nome da aceleradora catarinense, Marcos Mueller, CEO da Darwin Startups, lança sua terceira expedição, com R$ 80 milhões em caixa e um novo sócio-investidor