s
DATA-DRIVEN

Gestão de dados amplia utilidade do serviço Zona Azul

A tecnologia aportou maior agilidade nos processos e no gerenciamento de dados do aplicativo, inovando na gestão da mobilidade urbana e na oferta de produtos e serviços agregados

Promover a rotatividade das vagas públicas nas grandes cidades, de modo a melhorar a fluidez do trânsito, é o negócio do Zon Azul, serviço prestado pela Estapar. Parece simples, mas quando olhamos para os números -  51 mil vagas só na capital paulista, para servir 1,5 milhão de usuários - se tem a exata dimensão do desafio. Não fosse a automação do serviço, seria praticamente impossível transformá-lo na importante ferramenta de gestão da mobilidade urbana que é hoje.

A automação, em nuvem, vem possibilitando gestão de dados em tempo real de mais de 100 mil transações por dia, agora, durante a pandemia, com a demanda ainda abaixo da capacidade. "Mas já é possível traçar mapas sobre horários de pico em determinadas regiões, e agir em cima, redistribuindo o fluxo de veículos para locais com maior disponibilidade de vagas", explica André Lasi, CEO da Estapar.

Através da análise dos dados gerados pela plataforma se sabe hoje que 30% dos carros circulando em vias paralelas às de estacionamento permitido estão em busca de vagas. Praticamente um terço de quem está rodando, gerando tráfego, poluição, comprometendo a sustentabilidade da cidade. A possibilidade de interferir imediatamente nesse fluxo tem melhorado indicadores de qualidade do ar, vendas no comércio e por aí vai. "Pelo comportamento dos nossos usuários conseguimos inclusive saber onde há vagas ocupadas por veículos não integrantes do sistema", comenta Lasi. E, na sequência, começar a direcionar o fluxo para outros locais.

Conteúdo exclusivo para membros da The Shift

Aproveite a promoção e assine

Inovação ajuda a chacoalhar mobilidade no Brasil e no mundo

The Shift 360°

Inovação ajuda a chacoalhar mobilidade no Brasil e no mundo

Conheça algumas possibilidades, estratégias e ideias envolvendo tecnologia e inovação que visam consolidar uma mobilidade urbana mais fluida para o futuro

Por Victor Santos
Um marketplace de ideias e tecnologia para cidades inteligentes

Entrevista

Um marketplace de ideias e tecnologia para cidades inteligentes

A empreendedora Rachel Cardamone, CEO da Bright Cities, faz o matchmaking entre a inteligência de dados e as inovações tecnológicas para apoiar prefeitos brasileiros na jornada de transformação digital das cidades

Por Silvia Bassi
Tem um carro elétrico no seu futuro?

O Shift da Questão

Tem um carro elétrico no seu futuro?

Dentro de dez a quinze anos, há grandes chances que você esteja dirigindo ou de carona em um carro totalmente elétrico – próprio, compartilhado ou alugado

Por Silvia Bassi e Soraia Yoshida