s
SUSTENTABILIDADE

O trunfo das energias renováveis

Dois relatórios sobre energias renováveis no mundo e na América Latina ajudam a entender como os países devem montar seus novos planos de descarbonização depois da COP28.

Por Silvia Bassi 16/12/2023

Foi difícil, teve prorrogação, tensões geopolíticas, mas finalmente aconteceu: pela primeira vez em 30 anos, o Balanço Global da COP28 (Global Stocktake) colocou no papel o que todo mundo sabe há décadas - é urgente transicionar da economia baseada em combustíveis fósseis para uma economia de baixo carbono, alimentada por fontes de energia sustentável.

O balanço global é o resultado central da COP28. Ele deve ser usado como guia pelos 198 países signatários na elaboração dos novos planos nacionais de descarbonização (NDCs). A recomendação é fazer NDCs mais "agressivos", para manter a meta de cortar 43% das emissões globais de gases de efeito estufa (GEE) até 2030 (comparadas com 2019), e chegar a 2050 com zero emissões, mantendo o aquecimento global abaixo de 1,5 °C.

O problema é que nenhum dos países correu o suficiente. O relatório preparado pela ONU antes da COP28, analisando 195 NDCs, mostra, segundo o Secretário Executivo da ONU para as Alterações Climáticas, Simon Stiell, "que as nações deram apenas pequenos passos" para atingir os objetivos de 2030. Com eles, chegaríamos ao final da década com uma redução de só 2% sobre as emissões de 2019.

Este é um conteúdo exclusivo para assinantes.

Cadastre-se grátis para ler agora
e acesse 5 conteúdos por mês.

É assinante ou já tem senha? Faça login. Já recebe a newsletter? Ative seu acesso.

O trunfo das energias renováveis

Sustentabilidade

O trunfo das energias renováveis

Dois relatórios sobre energias renováveis no mundo e na América Latina ajudam a entender como os países devem montar seus novos planos de descarbonização depois da COP28.

Doze tecnologias climáticas indispensáveis

Sustentabilidade

Doze tecnologias climáticas indispensáveis

Em ritmo de COP28, resumimos um novo relatório da McKinsey, a ser lançado em 2024, sobre as tecnologias mandatórias para chegarmos às metas net-zero e à redução do aquecimento global.

Muito discurso, pouca ação

Sustentabilidade

Muito discurso, pouca ação

Pratique o que você fala. Quando se trata de sustentabilidade e meio ambiente, empresas e governos estão prometendo mais do que fazendo, e o resultado todos estamos sentindo na pele e no solo

Sustentabilidade

"Failure is not an option"

O alerta vem da Cúpula de Líderes do Pacto Global da ONU. Com 85% dos ODS com cronograma comprometido, recuperar o atraso até 2030 só será possível com muita cooperação e tecnologia

Por Rodolfo Fücher *
Framework brasileiro promete impulsionar mercado global de crédito de carbono

Sustentabilidade

Framework brasileiro promete impulsionar mercado global de crédito de...

Metodologia elaborada pela Reservas Votorantim e ECCON, com base científica robusta, foi lançada oficialmente esta semana, durante a Climate Week Nova York

Por Danuza Mattiazzi
Greenwashing e Greenhushing comprometem o valor da marca

Sustentabilidade

Greenwashing e Greenhushing comprometem o valor da marca

Dão prejuízo financeiro. Na ponta do lápis, a Tesla, por exemplo, pode perder US$ 4,1 bilhões se não corrigir a diferença entre percepção e realidade