s
Pexels/Yan Krukov
INOVAÇÃO

Como as grandes empresas podem apoiar os inovadores

No momento de reconstrução das organizações pós-pandemia, as grandes empresas precisam apoiar os empreendedores sociais na criação de um novo paradigma de negócios

Por Isis Bous, Lex Mundi Pro Bono Foundation 16/11/2021

As empresas sociais impulsionam a mudança na economia global de duas maneiras muito importantes: abordando diretamente os difíceis desafios sociais e ambientais; e influenciando a comunidade empresarial como um todo a agir com responsabilidade. Essas “organizações de impacto” expandem o escopo do que é normal, possível e aceitável, criando uma economia global mais verde e inclusiva.

Essa influência é mais imperativa do que nunca, e a comunidade empresarial nunca esteve mais pronta para aceitá-la. O foco singular na perda de lucros da economia global moderna está começando a se afrouxar à medida que os países e organizações buscam uma melhor reconstrução no pós-pandemia. Os empreendedores sociais podem aproveitar este momento para ajudar a moldar um novo paradigma de negócios - e devem receber apoio para fazer isso.

A pressão do consumidor está encorajando as marcas a desenvolver uma consciência social

A conduta corporativa está sob os holofotes dado o poder das redes sociais de aumentar a pressão do consumidor, desafiando as marcas a não só fornecer produtos e serviços de qualidade, mas também agir como bons cidadãos globais. Da mesma forma, os funcionários estão exigindo que seus empregadores ajam com responsabilidade para ganhar seu serviço e lealdade. Não é incomum ouvir estatísticas como as que mostram que as marcas Sustainable Living Brands da Unilever, marcas guiadas pelo propósito, crescem 69% mais rápido do que o resto do negócio e são responsáveis por 75% do crescimento da empresa, ou Patagônia - com sua reputação de responsabilidade ambiental e sua missão orientada para o propósito - recebendo mais de 9 mil aplicações por vaga.

Este é um conteúdo exclusivo para assinantes.

Cadastre-se grátis para ler agora
e acesse 5 conteúdos por mês.

É assinante ou já tem senha? Faça login. Já recebe a newsletter? Ative seu acesso.

A fronteira final para a energia renovável...

Inovação

A fronteira final para a energia renovável...

É a energia que vem dos oceanos começa a receber um novo impulso na luta contra as mudanças climáticas. Mas essa exploração também tem seus impactos

Você tem gerenciado o risco digital?

Gestão

Você tem gerenciado o risco digital?

O mais recente relatório da Global Coalition for Digital Safety apresenta um plano para entender sobre a segurança digital e avaliar os riscos decorrentes dela

Neuralink acirra a corrida por chips cerebrais

Inovação

Neuralink acirra a corrida por chips cerebrais

Empresa é a segunda a obter autorização das autoridades americanas para realizar testes em humanos. E outras virão.

A solidão de empreender nas fronteiras da inovação

Inovação

A solidão de empreender nas fronteiras da inovação

Os "espaços de fronteira" lidam com tecnologias que estão muito lá na frente e que são difíceis de explicar. Mas não se engane, elas são a coisa mais quente dos próximos anos

Fadiga de mudança desafia empresas

Liderança

Fadiga de mudança desafia empresas

Mudar continuamente exige muito esforço e pode gerar fadiga nas equipes, confundida com falta de comprometimento. Comunicação pode ser a saída

A epidemia de solidão persiste e é cada vez mais um problema corporativo

Gestão

A epidemia de solidão persiste e é cada vez mais um problema corpora...

Sentimento é considerado um efeito colateral do trabalho remoto. Mas até funcionários que trabalham regularmente no escritório podem se sentir solitários. O que mina o desempenho